por 10:33 Sem categoria

Vale-tudo

Na reta final, a campanha de Osmar nem escondia as dobradinhas com a mídia partidária. Gazeta do Povo, Rede Paranaense, emissoras de rádio e jornais de todo o Paraná fazem "reportagens" para alimentar o horário eleitoral e o blog do candidato. "Não é hora para falsos pudores", disse um editor na carta do repórter.

por 15:42 Sem categoria

Vale tudo

Vale tudo mesmo pelo voto. Rubens Bueno (PPS-PFL) e Osmar Dias (PDT-PP-PTB-PSB) garantiram na última quinta (13),  em debate na TV Sudoeste, a reabertura da Estrada do Colono – antiga via que cortava o Parque Nacional do Iguaçu e que foi fechada por decisão judicial. Nem precisa dizer que os ambientalistas gostaram da notícia.

por 10:32 Sem categoria

Vale tudo?

De Fábio Campana, no Estadinho

A campanha eleitoral está virando caso de polícia. A banda de Osmar Dias faz de tudo para vincular Roberto Requião ao caso Razera, o araponga que virou uma das estrelas do programa eleitoral.

A rapaziada de Requião percebeu a manobra e soltou em campo os seus perdigueiros. Não deu outra. Descobriu que há vazamento ilegal de informações sobre Razera drenadas para alimentar o escândalo na imprensa.

Os perdigueiros de Requião garantem que um casal seria o responsável principal pelo vazamento. Uma das oportunidades dessa guerra de espionagem aconteceu em um restaurante de cardápio alemão de Curitiba.

Em mesa próxima, um investigador colheu a conversa aberta e descuidada entre um promotor e um repórter. Anotou tudo. Até o prato da noite. Kassler com chucrutes. No meio do jantar, um prato caiu ao chão.

Imaginem os maus bofes da turma do PMDB. Eles chegam a sugerir a quebra do sigilo telefônico do casal inconfidente. E continuam de olho. Foram protocoladas várias representações na Corregedoria do Ministério Público.

Por que tanta bulha em torno do caso Razera? Acontece que os marqueteiros de Osmar Dias estão convencidos de que esse é um assunto que desgasta o governador. E procuram tirar o maior proveito possível de tudo que diga respeito ao caso ao mesmo tempo em que procuram vinculá-lo à Requião.

Ontem, o repórter da Folha de S. Paulo, Fábio Victor, baixou em Curitiba para fazer ampla reportagem do caso Razera. O convite foi da coligação Paraná de Verdade, de Osmar Dias, que está dando as coordenadas para o enviado especial.

Faz parte do jogo, dizem os marqueteiros de Osmar, que sonham agora com os efeitos que sua empreitada poderá mostrar nas pesquisas de intenção de voto. Pelo segundo turno vale tudo, é a palavra de ordem nos arraiais da oposição.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com