por 22:00 Sem categoria

CURITIBA ESTÁ A DERIVA, DISPARA MOREIRA

O reitor da UFPR, Carlos Moreira, pré-candidato do PMDB à prefeitura de Curitiba disse nesta segunda-feira (24) que o partido deve seguir as orientações do governador Roberto Requião e disputar a prefeitura de Curitiba baseada em projetos de inclusão social e no atendimento preferencial aos pobres. “Curitiba está sem projeto de cidade. Curitiba está à deriva. Vocês sabem que não há nenhuma proposta desta atual administração significativa para a cidade. O trânsito é um caos, o transporte coletivo está saturado, a saúde deixa muito a desejar, a educação não enfrenta problemas importantes como a educação integral”, disse Moreira às mais de duas mil lideranças presentes no almoço em homenagem aos 42 anos do PMDB e MDB. Leia a matéria toda e a íntegra do pronunciamento em Reportagens.

por 21:58 Sem categoria

CURITIBA ESTÁ A DERIVA, DISPARA MOREIRA

CURITIBA ESTÁ A DERIVA, DISPARA MOREIRA

O reitor da UFPR, Carlos Moreira, pré-candidato do PMDB à prefeitura de Curitiba disse nesta segunda-feira (24) que o partido deve seguir as orientações do governador Roberto Requião e disputar a prefeitura de Curitiba baseada em projetos de inclusão social e no atendimento preferencial aos pobres.

“Curitiba está sem projeto de cidade. Curitiba está à deriva. Vocês sabem que não há nenhuma proposta desta atual administração significativa para a cidade. O trânsito é um caos, o transporte coletivo está saturado, a saúde deixa muito a desejar, a educação não enfrenta problemas importantes como a educação integral”, disse Moreira às mais de duas mil lideranças presentes no almoço em homenagem aos 42 anos do PMDB e MDB.

“A violência urbana atingiu as nossas casas e não é por falta de policiamento na rua. É simplesmente porque estamos com uma desagregação social em curso”, completou Moreira.

Para Moreira, o PMDB tem que dar um passo a frente e exigir durante toda a campanha eleitoral que o cidadão comum tenha direito a voz e tenha direito a ser ouvido. “Eu vou responder a propaganda da prefeitura que pergunta: Como vai você?”.

“Estou vermelho de indignação, de raiva, de ver uma propaganda enganosa colocada para todos curitibanos. E que qualquer um, a menor avaliação que possa fazer da cidade, vai ver que esta administração atual não tem nada o que mostrar. Não há uma obra estrutural, não há nada que ele possa se vangloriar”, respondeu Moreira.

O peemedebista disse que a atual administração não se preocupa com as pessoas, mas “se preocupa com a especulação imobiliária, que se preocupa com o Country Club, se preocupa com a academia de ginástica”.

Moreira disse que a propaganda enganosa fala que o atual prefeito é imbatível. “Isso é mentira, é falácia, basta a gente olhar, nós vamos conseguir sim vencer estas próximas eleições. Quero dizer que o PMDB está unido e vai partir unido. Até porque nós partimos com a simbologia do doutor Ulysses Guimarães e o governador Requião que deu sempre diretrizes claras para todos nós”.

“O governador foi sempre muito coerente. A Carta de Puebla tem que estar presente em nosso discurso, a opção preferencial pelos pobres. Portanto, mais do que nunca, o PMDB pode e vai conseguir ganhar esta eleição. Vou lembrar apenas, nestes 42 anos de aniversário do PMDB, uma frase do revolucionário angolano Agostinho Neto: Não basta que nossa causa seja justa e pura. É preciso que a justiça e pureza estejam em nossos corações”, completou Moreira.

ÍNTEGRA DO PRONUNCIAMENTO DE CARLOS MOREIRA NO ALMOÇO DE 42 ANOS DO PMDB E MDB DO PARANÁ

Meu bom dia a todas às companheiros aos companheiros do PMDB, ao nosso governador Roberto Requião, às executivas municipal e estadual do partido. Eu queria iniciar meu pronunciamento fazendo uma pergunta a mim mesmo: por que será que recebo esta medalha Ulysses Guimarães?

Afinal, não sou um político profissional. Aí começo a pensar na história do doutor Ulysses Guimarães. Se o doutor Ulysses teve uma história de luta em favor dos direitos do cidadão, a constituinte de 1988, a constituição foi chamada “Constituição Cidadã”.

Portanto se o doutor Ulysses Guimarães sempre defendeu o direito do cidadão comum. Eu agora, como cidadão comum, que entro na política, quero representar este direito. Esse direito de uma pessoa ter a condição de contribuir para a sua cidade. Este direito que a pessoa comum tem de ser ouvido e falar.

Aliás, não é necessário ser filho de governador para assumir à prefeitura de Curitiba, basta ter boas idéias, boas propostas e ter o bem no coração. Por isso representando este cidadão comum, que quer ter direito a voz, que quer ter direito a ser ouvido, quero dizer a cada um de vocês aqui presente, Curitiba está sem projeto de cidade. Curitiba está à deriva.

Vocês sabem que não há nenhuma proposta desta atual administração significativa para a cidade. O trânsito é um caos, o transporte coletivo está saturado, a saúde deixa muito a desejar, a educação não enfrenta problemas importantes como a educação integral.

A violência urbana atingiu as nossas casas e não é por falta de policiamento na rua. É simplesmente porque estamos com uma desagregação social em curso.

Portanto, mais do que nunca, temos que dar um passo a frente, exigir que o cidadão comum tenha direito a voz e tenha direito a ser ouvido, que agora, acho que cabe muito bem aquela pergunta que a prefeitura tem nos feito diariamente, massificadamente na televisão: “Como vai você?”.

Quero dizer como estou: estou vermelho de indignação. Estou vermelho de raiva de ver uma propaganda enganosa colocada para todos curitibanos. E que qualquer um, a menor avaliação que possa fazer da cidade, vai ver que esta administração atual não tem nada o que mostrar. Não há uma obra estrutural, não há nada que ele possa se vangloriar.

Portanto mais do que nunca temos que fazer o que o governador disse: vencer a eleição para a prefeitura municipal de Curitiba. Nós podemos porque esta atual administração que lá está, que não se preocupa com as pessoas, que se preocupa com a especulação imobiliária, que se preocupa com o Country Club, se preocupa com a academia de ginástica, esta não tem a prioridade das pessoas, às pessoas que tanto queremos dar prioridade.

A propaganda enganosa fala que o atual prefeito é imbatível. Isso é mentira, é falácia, basta a gente olhar, nós vamos conseguir sim vencer estas próximas eleições. Quero dizer que o PMDB está unido e vai partir unido. Até porque nós partimos com a simbologia do doutor Ulysses Guimarães e o governador Requião que deu sempre diretrizes claras para todos nós.

O governador foi sempre muito coerente. A Carta de Puebla tem que estar presente em nosso discurso, a opção preferencial pelos pobres. Portanto, mais do que nunca, o PMDB pode e vai conseguir ganhar esta eleição. Vou lembrar apenas, nestes 42 anos de aniversário do PMDB, uma frase do revolucionário angolano Agostinho Neto: “Não basta que nossa causa seja justa e pura. É preciso que a justiça e pureza estejam em nossos corações”. E ela está e assim nós vamos vencer estas eleições. Um abraço do Coração em todos, obrigado!

Fechar