por 13:32 Sem categoria

Waldyr Pugliesi recorda da luta pelos ideais de esquerda

Waldyr Pugliesi recorda da luta pelos ideais de esquerda

Pugliesi aproveitou a filiação de Chico Leite para fazer uma análise de sua vida pública e defendeu a autonomia da população paranaense na gestão de empresas e instituições públicas. “Queremos que as coisas feitas pelo povo do Paraná fiquem nas mãos do povo do Paraná”, declarou. Pugliesi iniciou sua trajetória política em meados da década de 1960, como um dos fundadores do MDB (Movimento Democrático Brasileiro) de Arapongas e do Paraná.

O partido, que se destacou pelo enfrentamento à ditadura militar, foi extinto em 1979, dando origem ao PMDB. Pugliesi lembrou que foi o último presidente do MDB “Velho de Guerra” e o primeiro da nova sigla. “A minha trajetória sempre esteve ligada às lutas de esquerda, contra o preconceito e a discriminação social, princípios que sempre estiveram dentro do nosso partido”.

O líder do PMDB exerceu nove mandatos como vereador, prefeito de Arapongas (três vezes), deputado estadual e deputado constituinte. Em 2003 Pugliesi assumiu a Secretaria Estadual dos Transportes, atendendo convite do governador Roberto Requião. Nos três anos e meio à frente da pasta, encaminhou a recuperação de cinco mil quilômetros de rodovias estaduais, que ficaram destruídas nos oito anos de mandato do ex-governador Jaime Lerner.

“As nossas estradas ficaram no abandono para o povo achar que o pedágio era uma coisa boa”, frisou. Pugliesi lembrou ainda das principais conquistas do PMDB, como a luta contra a venda da Copel. “Hoje mais de 1,4 mil paranaenses são beneficiados pelo programa Luz Fraterna, que garante energia elétrica a baixo custo às famílias mais pobres e a Sanepar, para tirar do controle dos grupos estrangeiros”, lembrou.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com