0 Shares 261 Views

Universidades valorizadas devem ter transparência e austeridade, diz Richa

7 de outubro de 2017
261 Views


O governador Beto Richa comentou nesta sexta-feira, 6, a decisão da Justiça que determinou às universidades estaduais disponham dados da folha dos servidores ao Estado. “Valorizamos o trabalho das universidades, mas todos precisam se adaptar a estes tempos de transparência e austeridade. É o que reconheceu a Justiça, ao determinar a inclusão das instituições no sistema de gestão da folha salarial do Estado”, disse Richa.

As boas práticas de gestão, segundo Beto Richa, avançaram muito nos últimos sete anos. “Isso com responsabilidade, transparência, prestando contas de todos os atos do governo. Tanto que recentemente o comitê formado pela OAB, economistas, contabilistas, elogiou grande avanço do Paraná na transparência dos seus atos, tanto em despesas, gastos, licitações, compras de material, serviços terceirizados”, disse

Richa disse que tudo o que Estado faz está no portal da transparência. “Só faltavam as universidades. Além do Tribunal de Contas, o Tribunal de Justiça exige agora que em duas semanas as universidades possam aderir ao Meta 4, que é o sistema de informação do estado, onde mostra todos os salários todos os investimentos do Estado do Paraná”, disse.

“As universidades não aceitam a autonomia. Elas têm autonomia para gastar e pagar, e o governo está sempre socorrendo. Quando assumi o governo em 2011, as universidades tinham um orçamento de R$ 780 milhões e hoje o orçamento é de R$ 2,5 bilhões. Então, cada vez mais o processo de transparência é necessário”, completa Richa.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.