por 17:55 Foz do Iguaçu, Turismo

Turismo volta com mais força, diz Angeli

“A pandemia trouxe a necessidade de estratégia de atendimento para um novo perfil de turista, mas o setor voltará com mais força e pujança”

O secretário de Turismo e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Paulo Angeli, afirma em entrevista exclusiva ao GDia que o turismo nos três níveis – nacional, estadual e municipal – tem amargado um ano de pandemia com impactos diretos ao setor e consequentemente redução e manutenção do emprego e também no equilíbrio da economia local. “Hoje, hotéis e atrativos, estão operando com apenas 30% das suas capacidades, também como medida de cautela e prevenção à pandemia”.

“É certo que a pandemia nos trouxe a necessidade de olhar melhor para esse novo perfil de visitantes que estamos recebendo desde o início da pandemia. No momento o turismo regional é o foco, não apenas o rodoviário, pois temos também movimentação no aeroporto, principalmente nos voos diretos de curta distância”.  


Angeli diz ainda que é preciso movimentar toda a cadeia de serviços turísticos e neste sentido, vai trabalhar numa campanha, junto ao trade para a ampliação da divulgação nos maiores centros emissários e raio para até 1.000 km. “Estamos aguardando um momento menos crítico na saúde pública do município e do estado, para propor diálogo com as empresas e as entidades do setor. Para ter uma ideia, tivemos uma queda de 45% no número de visitantes de 2019 para 2020, e acreditamos que no segundo semestre deste ano possamos amenizar parte desse impacto”. 

“Não temos dúvida que no devido momento, a retomada se dará com toda força, somos um destino multicultural, com diversidade de opções de atrativos”, completa. 

 Leia a entrevista na sua íntegra no portal GDia.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com