Escrito por 9:40 Assunto

Retomada de obras no Paraná vem em boa hora, diz Romanelli

O Estado reiniciou uma série de obras que estava paralisada, o que pode ajudar a economia neste momento de pandemia, avaliou nesta segunda-feira, 1º de junho, o deputado  Luiz Claudio Romanelli (PSB). “É mais um passo que o Estado toma na sua proposta da retomada da economia. As obras vêm em boa hora”.

“O Paraná foi o que menos perdeu postos de trabalho entre os três estados do Sul, mesmo assim perdemos 55 mil postos de trabalho somente em abril, disse Romanelli.

A Fundepar, adianta Romanelli, retomou 156 obras em todo o estado, garantindo mais de 1,4 mil empregos nos canteiros de obras. “São R$ 100 milhões em construções de escolas, ampliações de espaços, reparos e restauração”.

Recomendações – As obras estavam paralisadas por conta de uma série de irregularidades. As medidas de proteção adotadas pelo Estado, aprovadas pela Assembleia Legislativa, integram o plano de recomendações para garantir a segurança dos trabalhadores e evitar a proliferação da Covid-19.

“São recomendações necessárias para que os trabalhadores possam realizar suas atividades com tranquilidade, como o uso da máscara e o distanciamento que deve ser mantido entre os operários”, disse Romanelli.

Dentre as obras retomadas está a construção do Colégio Estadual William Madi, em Cornélio Procópio. Construída em uma área de 12 mil metros quadrados, doada pela prefeitura, o colégio terá três mil metros e vai atender a comunidade da região do Jardim Figueira.

Conclusão – Entre as obras paralisadas, o governo já concluiu a construção da quadra coberta no Colégio Estadual do Campo de Joá, que fica num distrito rural de Joaquim Távora. A escola, localizada 30 quilômetros da área urbana, é o único ponto de referência para os 200 moradores do distrito. “Há 30 anos as aulas de educação física aconteciam em um terreno atrás do colégio, com bambus e árvores que eram usados como traves de futebol”, lembra o deputado.

Além destes dois municípios, Romanelli anunciou que o Estado retomou as obras do Centro Estadual de Educação Profissionalizante de Colorado. “Esse foi um desafio que assumi com o prefeito Marcos Mello em 2017 e, desde então, não desisti de lutar por essa importante conquista para Colorado e região, que agora se concretiza”, disse Romanelli.

Iniciadas em 2012, as obras de construção do centro de ensino foram paralisadas em 2014. O investimento é de R$ 7,25 milhões. Cerca de R$ 2,6 milhões já foram pagos. Os recursos são dos governos federal e estadual.

(Visited 15 times, 1 visits today)
Close