Escrito por 22:38 Sem categoria

REQUIÃO: PMDB FOI ‘ABDUZIDO’ NO PROCESSO ELEITORAL

Por Roger Pereira, no Portal Terra:

  Foto: Agência Estadual de Notícias/DivulgaçãoPré-candidato à presidência da República pela ala do PMDB que discorda da coligação com o PT e da indicação do presidente do partido, deputado Michel Temer, como candidato a vice na chapa de Dilma Rousseff, o ex-governador do Paraná Roberto Requião disse que, mesmo sabendo que irá ser derrotado, apresentará sua pré-candidatura na Convenção Nacional do partido, marcada para o dia 12 de junho.

Requião disse, em entrevista ao Terra, que irá se candidatar ao menos para marcar posição, pois o partido já estaria "abduzido". Fora do governo desde o dia 1º de abril, quando renunciou para se desincompatibilizar para as eleições de outubro, Requião, que disputará uma cadeira no Senado, criticou a forma como o PMDB conduziu a aliança, disse não temer ser enquadrado pelo partido e criticou os dois principais pré-candidatos á presidência, Dilma e José Serra (PSDB), por suas políticas econômicas.

Apesar da bronca, Requião admitiu que deverá votar na petista, principalmente pelo fato de o PT não ter optado pelo presidente do Banco Central, Henrique Meireles (PMDB) como vice, o que seria "um despautério".

Leia AQUI a íntegra da entrevista de Requião

Close