por 16:52 Michele Caputo, Paraná

Repasse de R$ 100 milhões mostra compromisso da Assembleia com a saúde dos paranaenses, diz Michele Caputo

O deputado Michele Caputo (PSDB), coordenador da Frente Parlamentar do Coronavírus, disse que o repasse de R$ 100 milhões formalizados nesta segunda-feira, 3, ao Estado mostra o compromisso da Assembleia Legislativa com a saúde dos  paranaenses. O dinheiro ficará no caixa do tesouro estadual e será usado na compra de vacinas contra o coronavírus assim que estiver disponível no mercado.

Michele Caputo participou via remotamente do ato no Palácio Iguaçu com o governador Ratinho Junior. “A Assembleia Legislativa deu uma amostra extremamente importante do respeito dos deputados com a saúde dos paranaense”, disse o deputado que integra também a comissão de saúde do legislativo estadual.

“Repassamos R$ 100 milhões ao Estado, recurso fruto da economia que fizemos em prol da saúde. Com mais R$ 100 milhões que serão repassados na aprovação do orçamento para o ano de 2021, teremos R$ 200 milhões para compra da vacina. Isso representa que todos os paranaenses poderão tomar a vacina contra a covid-19”, completou o deputado.

Prazo 

A expectativa é da aquisição da vacina em curto prazo, até  o primeiro trimestre de 2021. Na reunião com os deputados, o governador Ratinho Júnior afirmou assinou cooperação técnica e científica com a China para iniciar a testagem e a produção de vacina por meio do Tecpar (Instituto de Tecnologia do Paraná).

O termo de confidencialidade com estatal chinesa Sinopharm possibilitará a realização da terceira fase de testes no Paraná, o que deve começar ainda no mês de agosto.

Paralelamente, o Estado estrutura ainda um acordo diplomático com a Rússia também para fornecimento de vacina contra a covid-19. Atualmente, 165 vacinas estão sendo produzidas no mundo. Em estágio avançado estão as da Universidade Oxford, da Inglaterra, e do Instituto Butantã (SP), que está testando no Brasil, inclusive no Paraná, a vacina produzida pela chinesa Sinovac.

Fechar