por 14:05 Sem categoria

PT, o partido mais influente do Congresso

PT, o partido mais influente do Congresso

Do blogo do Zé Dirceu

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP), acaba de concluir a 15ª versão de sua tradicional pesquisa sobre os "cabeças" do Congresso Nacional. O levantamento consagra o PT como o partido de maior influência e detentor do maior número de lideranças no Parlamento brasileiro.

Com nada menos que 27 parlamentares – 21 deputados e seis senadores – O PT ficou em primeiro lugar no ranking que aponta os 100 integrantes da Câmara e do Senado mais influentes do ano. Por partido, o PT foi quem mais se dedstacou este ano com a ascensão de parlamentares para o grupo de "cabeças" do Congresso Nacional.

É seguido pelo PSDB com 14 congressistas – 11 deputados e três senadores; e pelo DEM, com 12 – oito deputados e quatro senadores. As demais legendas aparecem com número variável e menor índice de influência, segundo a avaliação do Diap.

Fácil entender esse desempenho

Na minha avaliação essa lista do DIAP é mais uma confirmação, tranqüila, das duas notas que publiquei há dois dias nesse blog (03.09), com os títulos Jornalões prenunciam vitória do PT e de aliados e "Onda vermelha", o futuro quadro do poder no Brasil.

Essas duas notas anunciam a "onda vermelha" que se avizinha no Brasil, na eleição municipal de 5 de outubro, com a vitória do PT e de aliados em todo o país e o quadro do poder no Brasil, como está hoje e como tende a ficar depois do 5 de outubro.

É, também, a confirmação cristalina de que o partido não só sobreviveu aos ataques de seus adversários, que encontram amplo espaço e respaldo na mídia para fazê-los, como também que o PT está mais popular, mais preparado e muito mais forte.

O partido já reúne e amplia, hoje, as melhores condições para vencer a eleição que ocorrerá daqui a um mês, e também as eleições presidenciais de 2010. Não adianta a campanha contra da mídia e da oposição. A população e o eleitorado não se deixam enganar.

Uma definição precisa do velho Ulysses

Com esse ranking do DIAP nas mãos e mais os dados que tinha e inclui nas duas notas cuja leitura recomendo a você, lembro-me da expressão freqüente com a qual o velho timoneiro do MDB/PMDB, deputado Ulysses Guimarães, explicava a fase áurea de seu partido: "o MDB é como bolo com fermento: quanto mais batem, mais ele cresce"…

Para mim, a frase do dr. Ulysses define também a situação do PT hoje.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com