por 11:34 Brasil, Política

Protegido por habeas corpus, Witzel pode ficar calado em CPI

O ex-governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel presta depoimento nesta quarta-feira (16) na CPI da Pandemia, mas, por conta de um habeas corpus concedido pelo STF, ele terá o direito de ficar calado e de receber auxílio de um advogado. Os senadores da CPI também votam hoje requerimentos de convocação de novos depoimentos e a reclassificação dos documentos recebidos pela comissão. Confira como será a reunião desta quarta-feira.

com informações da Agência Brasil

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com