Escrito por 16:29 Sem categoria

PMDB-PR VAI À JUSTIÇA ELEITORAL CONTRA INFIÉIS

O PMDB do Paraná reafirmou nesta quarta-feira (30) que não vai abrir mão da fidelidade partidária definida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A resolução do TSE determina que os mandatos pertencem aos partidos políticos ou coligações e não aos candidatos eleitos.

“Vamos pedir a Justiça Eleitoral para garantir ao partido os mandatos que foram conquistados nas urnas”, disse o deputado Waldyr Pugliesi, presidente do partido, após reunião semanal da executiva em Curitiba. Até o momento, apenas dois eleitos pelo PMDB assinaram a ficha de filiação em outros partidos.

O PMDB vai entrar, no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), com uma ação de Perda de Cargo Eletivo contra o vereador Celso de Souza Schimidt, de Santo Antônio da Platina, que deverá concorrer a Assembleia Legislativa por outra legenda.

Outro caso é o do vice-prefeito de Medianeira, Ricardo Endrigo. O PMDB deverá pedir, perante ao TRE-PR, a decretação da perda do cargo do mesmo, em decorrência da desfiliação partidária ocorrida na última semana.

(Visited 8 times, 1 visits today)
Close