por 11:29 Sem categoria

PLENÁRIA DOS MOVIMENTOS SOCIAIS CONTRA O AUMENTO DO TRANSPORTE COLETIVO DE CURITIBA

Nesta quarta-feira (14), às 17h na Biblioteca Pública do Paraná, o Fórum em Defesa dos Usuários do Transporte Coletivo reúne representantes das entidades dos movimentos sociais, trabalhadores, estudantes, mulheres, bairros e dos partidos políticos e anunciam as medidas judiciais que apresentarão contra o aumento da tarifa de R$1,90 para R$2,20 do transporte coletivo de Curitiba e Região Metropolitana. Também vão denunciar a omissão e o comprometimento da Câmara de Vereadores com o aumento decretado pelo prefeito Beto Richa (PSDB).

Entre as medidas a serem tomadas, o fórum vai entrar na Justiça com um mandado de segurança coletivo, com pedido de liminar suspendendo o aumento da tarifa, a exemplo do que fizeram os usuários do transporte coletivo de Londrina. O Fórum ainda denuncia a falta de licitação, postergada há 30 anos, das linhas do transporte coletivo e instalação imediata do Conselho Municipal do Transporte com a garantia de participação popular na sua composição. “Sem licitação há 30 anos, o transporte coletivo de Curitiba é uma verdadeira caixa-preta, não há qualquer controle social e cada dia piora de qualidade, dificultando mais ainda a vida da população, com ônibus lotados e linhas saturadas”, aponta nota do fórum.

Serviço
Plenária do Fórum em Defesa dos Usuários do Transporte Coletivo
Data: quarta-feira, 14 de janeiro
Horário: 17 horas
Local: Biblioteca Pública do Paraná
Endereço: Rua Cândido Lopes, 133 – Centro

Fechar