por 12:19 Cascavel, Destaques, Leonaldo Paranhos

Paranhos desponta no Paraná como modelo de gestão pública

Enquanto a maioria dos prefeitos se voltou às cerimônias tradicionais de posse, com as restrições impostas pela pandemia, e a montagem do primeiro escalão dos governos municipais, em Cascavel, Leonaldo Paranhos fez diferente e mostrou mais uma vez que a eleição de 2022 vai passar pela região oeste.

Paranhos fez da posse uma reunião de trabalho, apresentou novos projetos estratégicos aos secretários e vereadores e de quebra anunciou um pacote de obras de R$ 130 milhões para Cascavel. “Nós já conhecemos os caminhos, as dificuldades, já temos parte da solução. Acredito que na reeleição é possível ser melhor do que o governo que tivemos. Vamos aproveitar a experiência e colocar em prática aquilo que tem que ser feito”, afirmou.

No pacote de Paranhos se destacam obras nas áreas de saúde, educação, mobilidade urbana, assistência social, meio ambiente e habitação. Serão R$ 53 milhões na construção de três escolas e quatro Cmeis (creches), além de 323 novas moradias e de dois novos parques ambientais nos bairros Floresta (R$ 8,3 milhões) e Santa Felicidade (R$ 15,3 milhões).

Obras – Em 4 de janeiro, primeira segunda-feira do ano, Paranhos vistoriou parte das obras públicas em execução na cidade. Logo, o prefeito entrega o terceiro restaurante popular, este no bairro Santa Cruz, e ainda nas fiscalizações, cobrou agilidade de uma empreiteira na entrega de uma obra de pavimentação.

Outra medida de Paranhos nestes primeiros dias de de 2021 está a redução em 50% da alíquota do ITBI. “Mesmo durante a pandemia, vamos aquecer o mercado imobiliário na cidade”.

Recentemente, Paranhos colocou em operação o que  apontou “como melhor aeroporto do interior do Brasil”. “A obra estava paralisada desde 2012 e, hoje, está entregue. É o melhor aeroporto do interior do Brasil, único que tem ponte de embarque. Esse é um gargalo que está resolvido”.

“E o outro grande gargalo é a obra do Trevo Cataratas (na BR-277), o terceiro trevo mais importante do Brasil, pelo menos em quantidade de carros, mais de 40 mil veículos todos os dias”, disse o prefeito em recente entrevista à imprensa da obra que está em execução, resultado do acordo de leniência do MPF e concessionária da rodovia.

Palácio Iguaçu – Paranhos não parou. Ainda na quarta-feira, 6, foi convidado pelo governador Ratinho Junior para uma reunião no Palácio Iguaçu, em Curitiba, que lhe apresentou um grupo chinês interessado na operação do transporte urbano de Cascavel e fabricante dos chamados VLP (Veículo Leve sobre Pneus) e VLT (Veículo Leve sobre Trilhos).

Em novembro deste ano vence o contrato com uma das empresas que operam o sistema de transporte público em Cascavel. No primeiro semestre de 2022 finda o contrato com a outra empresa. “Queremos até maio ou junho, estar com esse novo sistema já desenhado para que a gente possa fazer essa licitação, próximo do fim desse contrato. Foi uma reunião produtiva e fiquei bastante animado com a expectativa de a gente modernizar ainda mais o nosso sistema”, afirmou o prefeito.  

No mesmo dia, Paranhos apresentou a Ratinho Junior o plano de investimentos da Tectron de R$ 250 milhões em Cascavel. A empresa, da área de nutrição animal com nanotecnologia, vai construir um complexo industrial e reunir nove empresas do grupo na mesma área.

Tabuleiro – “Esse investimento faz parte da proposta central do governador em transformar o Paraná no hub logístico da América do Sul e também muito importante nesta etapa da retomada da economia”, disse o prefeito.
Paranhos sabe que as peças da eleição de 2022 já estão no tabuleiro político e se movimentam. Também sabe que Ratinho Junior saiu das eleições municipais com capital político alto e que toda pesquisa bate nos altos índices de aprovação. O partido do prefeito, o PSC, e ele próprio fazem parte da base e do grupo político do governador. 

Paranhos, no entanto, apresenta peças importantes e valiosas neste jogo político: a qualidade de gestão à frente da prefeitura de Cascavel, a reeleição com um percentual histórico que chegou a 72% dos votos, os ‘cases’ e referências nos projetos que desenvolve e capacidade de articulação política. A certeza neste momento é de que a composição das forças que vão disputar as eleições de 2022 passam por Paranhos e por Cascavel.

Fechar