0 Shares 98 Views

Paraná cria 10 mil novos empregos, destaca Cida Borghetti

22 de setembro de 2018
98 Views

A governadora Cida Borghetti destacou neste sábado, 22, que o Paraná criou em agosto mais 10.399 novos empregos com carteira assinada, o melhor desempenho na geração de empregos para o mês desde 2013, De acordo com os dados do Ministério do Trabalho/Caged, de janeiro a agosto, o Estado registrou o saldo positivo de 45.102 postos de trabalho criados.

“Estamos no caminho e no rumo certos na recuperação da nossa economia, saímos antes da crise em relação aos outros estados, setores como serviços, comércio e indústria estão abrindo novos postos de trabalho. E também num período curto, de quatro meses, assinamos mais de três mil convênios para obras e compra de equipamentos, o que significa um investimento de mais de R$ 4 bilhões nas cidades paranaenses. É a mão do Estado, apoiando os municípios e essas obras criam mais empregos no Paraná.”, disse Cida Borghetti

O setor que criou mais vagas em agosto foi o de Serviços, com 7.249 empregos, seguido do Comércio, com 1.819 vagas, e a Indústria, com 1.005 postos..Curitiba, São José dos Pinhais e Londrina lideram o ranking de geração de emprego do Caged. Curitiba gerou 2811 vagas, São José dos Pinhais, 598, e Londrina, 540.

A governadora criou a Secretaria Especial do Trabalho e das Relações com a Comunidade que incentiva a qualificação dos trabalhadores e as feiras de empregos no Estado. Cida Borghetti também encaminhou ao legislativo a proposta do novo Refis, parcelamento de dívidas tributparias, que vai atender seus empresas no Estado. “A medida atende ao pedido de todo o setor produtivo paranaense que vem sofrendo com a crise nacional”, afirmou a governadora

Segundo Cida Borghetti, a possibilidade de renegociação dará folego aos empresários para que o setor continue avançando. “Fizemos um esforço para atender a demanda de setores que geram empregos, renda e movimentam a nossa economia. Nesse momento de crise o Paraná dá exemplo ao País”, afirmou a governadora.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.