por 12:27 Sem categoria

O jogo dos doadores de campanha

O jogo dos doadores de campanha

Em 2004, o prefeito Richa, o Moço, declarou ao TRE R$ 4.167.472,00 gastos na campanha. A partir desta semana, só para refrescar a memória, vamos publicar os que figuram como doadores. A lista é longa, por isso vamos por partes.

O jogo aqui é simples: ganha quem conseguir apontar o maior número de doadores ou parentes de doadores empregados na prefeitura, ou ainda, a empresa que tem ou teve o maior número de contratos com a atual administração. Fontes de consulta: Diário Oficial do Município, sites, jornais e o próprio TRE.

Exemplo: Banco Itaú doou R$ 100 mil e administrou a folha de pagamento da Prefeitura de Curitiba até setembro do ano passado, quando levou uma rasteira do Santander que pagou R$ 140,5 milhões pelo contrato de administração das contas de 39 mil servidores ativos e inativos. Este contrato terá a duração de cinco anos. Ou seja, o novo prefeito vai ter que passar a gestão inteira rezando pela cartilha do banco espanhol.

Nome – Doações

DIREÇÃO ESTADUAL R$ 500.000,00
VALDIR LUIZ ROSSONI R$ 200.000,00
CAMARGO CORRÊA S/A R$ 200.000,00
ADM. DE BENS CAPELA LTDA. R$ 200.000,00
AVELINO A. VIEIRA NETO R$ 152.000,00
AUTOVESA VEÍCULOS LTDA. R$ 150.000,00
BRAFER CONST. METÁLICAS R$ 120.000,00
TROMBINI EMBALAGENS S/A R$ 102.590,00
IMCOPA IND. DE OLEOS LTDA. R$ 100.000,00
MURALHA – ENGENHARIA LTDA R$ 100.000,00
SITA CONCREBRÁS S/A R$ 100.000,00
FARMÁCIA NISSEI LTDA. R$ 100.000,00
VEGA ENG. AMBIENTAL S/A R$ 100.000,00
JATOBÁ – AGRIC. PEC. E IND. R$ 100.000,00
CAMARGO CORREA S/A R$ 100.000,00
CASC. ADM. SHOPPING CENTER R$ 100.000,00
BANCO ITAÚ S/A R$ 100.000,00
BANCO BMG S/A R$ 83.000,00
AUTOPLAN ADM DE CONS R$ R$ 75.000,00
JOSÉ AUGUSTO ARRUDA R$ 70.000,00

Fechar