0 Shares 280 Views

Estudantes de Foz do Iguaçu começam votar para escolha dos nomes dos filhotes de onça nascidos na Itaipu

12 de setembro de 2019
280 Views

 

Foi difícil conter a alegria dos 44 alunos da Escola Estadual Arnaldo Isidoro de Lima que foram conhecer, na manhã desta quarta-feira (11), os filhotes recém-soltos no Recinto das Onças no Refúgio Biológico Bela Vista (RBV). Os alunos fazem parte do grupo que irá batizar os felinos, escolhendo a partir de uma lista de nomes pré-definida.

A campanha “Que nome você acha que combina com a gente?” conta com a participação das crianças de duas escolas municipais da Vila C – Arnaldo Isidoro de Lima e Padre Luigi – para decidir entre as opções selecionadas pela Diretoria de Coordenação da Itaipu. Todos os alunos das escolas estão participando de visitas para conhecer as onças e votar no nome preferido.

As opções, todas no idioma avá-guarani, são Arandu (sábio), Marangatu (santo) ou Pytu (fôlego) para o macho, e Panambi (borboleta), Poty (flor) ou Porã (bonita) para a fêmea. Durante as visitas ao espaço, as crianças votam usando um tablet.

No total, pouco mais de mil crianças devem participar da votação, que segue até outubro. Até o momento, aproximadamente 150 já votaram. A escola que alcançar o maior número de votos nos nomes vencedores será contemplada com cinco computadores, para equipar ou instalar uma sala de informática.

O concurso foi muito bem recebido pelas crianças, de acordo com a professora Geneci Alves de Oliveira, que acompanhou a turma. As visitas ao Refúgio já são, para a maioria delas, um prêmio. “Estão todos admirados por estarem tão próximos dos animais assim”, comentou Geneci. “Alguns nunca visitaram o Refúgio antes e ficaram maravilhados. Estamos todos felizes pela iniciativa da Itaipu”, completou a professora.

Ver os animais tão de perto fez Roque Pinheiro, de sete anos, se sentir “melhor do que nunca”. “Essa visita foi incrível, tem muitos animais aqui! O Refúgio é muito legal, podem vir todos!”, convidou.

O passeio também foi elogiado pelo Vicente Felipe Amaral, de seis anos: “Incrível, esse lugar é bem bonito!” Já a Yasmin de Oliveira, de cinco anos, foi bem decisiva para escolher o nome dos filhotes: “Votei no Fôlego (Pytu) e na Bonita (Porã), porque eu também sou!”, brincou a aluna.

Grande família
As onças-pintadas nasceram nos dias 1º e 2 de junho deste ano, e foram apresentadas à imprensa no dia 27 de junho, data do aniversário dos 35 anos do Refúgio Biológico Bela Vista. Na ocasião, foi feita a sexagem (processo visual para saber se são macho ou fêmea), além de uma avaliação geral para verificar a saúde dos filhotes. O filhote macho é pintado como o pai (Valente), enquanto a fêmea é melânica como a mãe (Nena).

As oncinhas podem ser vistas no Refúgio, junto à mãe, Nena, às terças, quartas e quintas-feiras; nas segundas e sextas-feiras, o espaço fica reservado para o pai, Valente. A escala entrou em vigor no dia 29 de agosto, quando os filhotes foram soltos no espaço pela primeira vez, após três meses de quarentena.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.