por 18:00 Destaques, Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional

Natal de Itaipu reforça turismo religioso da Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, em Foz do Iguaçu

O Natal de Luzes de Itaipu, feito pela primeira vez no terreno da Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, em Foz do Iguaçu, entre 5 de dezembro de 2020 a 5 de janeiro de 2021, ajudou a reforçar o turismo religioso da igreja católica, que  dia a dia recebe turistas e moradores para conhecer o local, além de fiéis.

Por causa das restrições impostas pela pandemia da covid-19, a opção oferecida para a visitação ao Natal de Luzes foi o circuito de decoração drive-thru. Mais de 12,8 mil veículos passaram pelo local, sem contar as pessoas que circularam por ali a pé.

Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, na Vila A, em Foz do Iguaçu. Foto: Nilton Rolin
Foto: Nilton Rolin/Itaipu Binacional.

A igreja, por si só, pela sua arquitetura, já é um atrativo. O projeto arquitetônico foi inspirado na Cruz Grega, de braços equidistantes, com orientação para os quatro pontos cardeais.

Sua localização também chama a atenção. Ela está no platô do bairro Vila A, tido como o ponto mais alto da cidade.  Por causa de sua geografia, pode ser vista de vários locais e também do Paraguai.

Com o Natal de Luzes, a Catedral ficou ainda mais conhecida.  Nas redes sociais, a Associação Cultural e Turística da Catedral Diocesana Nossa Senhora de Guadalupe, agradeceu a todos os envolvidos no evento.

“O Natal de Luzes da Itaipu Binacional, mesmo com as restrições impostas pela covid-19, encantou os moradores de Foz do Iguaçu e região, bem como os turistas que visitaram nossa cidade neste período em que a Catedral ganhou iluminação e efeitos especiais, além de uma série de atrativos natalinos”, disse padre Clodoado Frassetto.

“Agradecemos em especial o general Joaquim Silva e Luna, diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, por ter, juntamente com sua equipe, escolhido e confiado em nossa Igreja para realizar este belíssimo espetáculo, que irá fazer parte da história de nossa cidade e, principalmente, da nossa Catedral”. E complementou: “Estou muito feliz com o resultado e pala evangelização que promoveu”.

“Foi um mês de espetáculo preparado com toda segurança, com toda a magia do Natal e um momento para celebrar o nascimento de Jesus, renovar a esperança e a fé”, retribuiu o diretor-geral. “O Natal de Luzes foi um abraço a todas as etnias e religiões”.

Encantamento e geração de renda

Com toda a sua magia e inovação o Natal de Luzes de Itaipu encantou a população e movimentou a economia de todo o entorno. Diretamente, abriu oportunidade de emprego para cerca de cem trabalhadores. Também gerou uma renda importante para vendedores ambulantes, principalmente os de alimentos.

Na logística do evento estiveram os trabalhadores da montagem e organização da iniciativa. Artistas culturais locais contratados para encantar o público com alegria e brincadeiras também foram beneficiados.

Encanto com segurança

O Natal de Luzes também foi uma forma de incentivar o turismo, dentro dos esforços da campanha “Vem pra Foz”, desenvolvida pela usina e parceiros, no âmbito do Codefoz.

Desenvolvido com base numa proposta de unir inovação, encantamento, agradecimento e manutenção de empregos, por decisão do diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, o briefing do Natal foi feito pela Comunicação Social da Itaipu.

Inovação

A iniciativa incluiu a projeção mapeada na fachada da catedral (por meio da técnica de vídeo mapping, exibida até o dia 23 de dezembro) e o circuito de decoração drive-thru, atendendo as recomendações de distanciamento social em função do novo coronavírus.

Fechar