por 10:15 Curitiba

Motoristas e cobradores vão parar por uma hora nesta quarta-feira para pedir mais segurança

da Banda B

Os motoristas e cobradores de Curitiba irão parar por uma hora nesta quarta-feira (28) para pedir mais segurança. Das 9h às 10h a concentração, promovida pelo Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Curitiba (Sindimoc), acontecerá na Praça Rui Barbosa, no Centro de Curitiba, e no Terminal do Alto Maracanã, em Colombo, região metropolitana de Curitiba. A previsão é que nenhum ônibus circule pela capital.

A principal motivação para a manifestação foi a morte, durante uma possível tentativa de assalto, do cobrador Osmair Caldeira da Silva, de 31 anos, dentro de um ônibus na Estrada da Ribeira, em Colombo, na noite do último domingo. “O objetivo é protestar e demonstrar a revolta dos motoristas e cobradores pela falta de segurança que levou mais uma vez um trabalhador e pai de família à morte”, afirmou Anderson Teixeira, presidente do Sindimoc.

De acordo com o Sindimoc, “durante a manifestação, que terá duração de uma hora, os coletivos serão abordados pelos manifestantes e neles colocados faixas de LUTO, para que com isso a sociedade e as autoridades tomem conhecimento da insegurança que impera no sistema”.

Na manhã desta terça-feira (28), a Banda B informou sobre o terceiro assalto em uma semana que sofreu o cobrador de uma estação tubo no bairro Parolin. “É sempre o mesmo ladrão. Infelizmente até já sei quem é”, disse o profissional, que com medo pediu para não ser identificado.

A escolha do horário da manifestação (das 9h às 10h), segundo o Sindimoc, é para não prejudicar a grande maioria dos trabalhadores que usam o transporte coletivo.

A Urbs ainda não se manifestou sobre a paralisação dos motoristas e cobradores.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com