Written by 10:10 Brasil, Paraná, Politica

Deputado Nelson Meurer estuda “vaquinha” para dividir sua defesa

Meurer estuda “vaquinha” para dividir defesa

Antes de a lista de investigados na Lava Jato ser divulgada, o paranaense e ex-líder do PP na Câmara dos Deputados Nelson Meurer afirmou que poderá se associar a outros colegas na mesma situação para tentar ratear o custo dos horários de advogados de defesa. “Se o ministro Teori Zavascki autorizar abertura de inquérito, vou ser obrigado a ter advogado. Cada um vai defender a sua situação. O que pode haver, e não aconteceu, porque você nem sabe quem vai ficar nessa abertura de inquérito, é talvez procurar um advogado conjunto só para tentar baixar o custo”, afirmou Meurer. As informações são do Estadão.

Para ilustrar o raciocínio, o deputado deu um exemplo com valores hipotéticos. “Por exemplo: se eu sozinho for contratar advogado, ele vai me cobrar R$ 50 mil. Mas, se eu arrumar mais três companheiros (…)”, disse. “Eu posso pegar três companheiros e falar: olha, faz R$ 20 mil para cada um e defende os três”. Meurer deu a declaração após ser questionado se o PP iria oferecer uma defesa centralizada para todos seus filiados que, eventualmente, forem investigados. Segundo ele, caso os políticos tentem ter um único advogado, isso não terá nada a ver com a legenda.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Close