Escrito por 09:30 Brasil

Mais de R$ 5,6 milhões em celulares são presos pela alfândega da RF só esse ano

Compartilhe

As apreensões de telefones celulares na jurisdição da Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu disparam em janeiro de 2020. O valor de produtos retidos já chegou a US$ 1,3 milhão, o equivalente a mais de R$ 5,6 milhões. O resultado é três vezes maior que o obtido em janeiro de 2019. Em relação a dezembro, houve um aumento de 30% nas apreensões. 
Boa parte das ações ocorreram na aduana da Ponte Internacional da Amizade e BR-277. Um ponto que vem chamando a atenção das equipes de repressão é o uso de fundos falsos em veículos para tentar burlar a fiscalização.  As informações são do GDia.


Na PIA, os agentes perceberam que os veículos de transporte de passageiros, como as vans escolares e motocicletas, são os tipos mais utilizados para a passagem de produtos de descaminho. 


Já na BR-277, é comum encontrar compartimentos ocultos em ônibus de turismo e carros de passeio.  Uma das últimas apreensões ocorreu na manhã de ontem (13) na rodovia. A ação foi registrada em Santa Terezinha de Itaipu e contou com o apoio da Denarc e da Receita Federal.  


Em um automóvel, abordado durante uma fiscalização de rotina, foi encontrado um fundo falso no tanque de combustível, onde estavam escondidos vários celulares, receptores de satélite e cartões de memória. O valor da apreensão foi estimado em R$ 15 mil. (Foto: Receita Federal)

Close