Arquivos

Categorias

Juiz da operação Lava-Jato pode ser Cidadão Benemérito do Paraná

sergio moro3011

O 1º secretário da Assembleia Legislativa, deputado Plauto Miró Guimarães (DEM), propôs nesta segunda-feira (17) a concessão do título de Cidadania Benemérita do Paraná ao juiz federal Sergio Moro, responsável pelas investigações da Operação Lava-Jato que, na última sexta-feira (14), prendeu 18 pessoas – até esta segunda-feira esse número subiu para 23 – boa parte delas dirigentes de grandes empreiteiras que mantêm contratos com a Petrobrás.

“Essa homenagem só deve ser concedida para homens que realmente servem de modelo para todos os brasileiros. É o caso do juiz Sérgio Moro, um profissional de coragem que vem tendo atuação brilhante no combate à corrupção. Merece o nosso reconhecimento e de todas as pessoas de bem que repudiam a corrupção”, justificou Plauto.

Juiz federal há 18 anos, Moro nasceu em Maringá, formou-se em Direito pela Universidade Estadual daquela cidade (UEM), tem mestrado e doutorado em Direito, com passagem pela Universidade americana de Harvard, referência mundial em ensino jurídico. Professor da Universidade Federal do Paraná, o magistrado é hoje uma referência no julgamento de crimes financeiros, com importantes obras nessa área, amplamente citadas em sentenças do próprio Supremo Tribunal Federal. Em 2012 o juiz lá esteve para auxiliar a ministra Rosa Weber, especialista em Direito Trabalhista, no julgamento do célebre caso do Mensalão. Antes disso, teve uma atuação destacada no julgamento do caso Banestado (2003/2007), que terminou com a condenação de 97 acusados de remessa ilegal de recursos para o Exterior. Entre estes condenados já estava o doleiro Alberto Youssef.

Plauto, que ao longo de seis mandatos na Assembleia Legislativa e às vésperas de assumir o sétimo apresentou apenas cinco projetos de lei deste tipo, deteve-se na questão da operação Lava-Jato, que já apurou desvios de R$ 10 bilhões de reais envolvendo a mais importante empresa brasileira. Após enumerar o que poderia ser feito com recursos dessa ordem nos vários setores da administração pública, o parlamentar enfatizou a importância do reconhecimento ao trabalho de Moro: “Em uma pequena busca pela internet, um adjetivo é sempre colocado ao lado do nome Sergio Moro – incorruptível”.

Disse ainda que a iniciativa pretende mostrar aos mais jovens “que ainda temos modelos de verdadeiros homens públicos a nos servirem de espelho. Por tudo o que já fez, Moro pode ser visto como uma pessoa chamada Coragem, e o que estamos vendo nos últimos tempos comprova isso. Essa

breve, porém grandiosa descrição de seu currículo, aliada à sua brilhante atuação no combate à corrupção, certamente o chancela para receber o título de Cidadão Benemérito do Paraná”.

Como a cota de indicações de homenagens pela bancada do DEM já foi exaurida este ano, o líder do PT, deputado Tadeu Veneri, ofereceu a cota de seu partido para tanto, como forma de evidenciar que endossa plenamente o gesto de reconhecimento ao juiz da Operação Lava-Jato.

Política, economia, cultura e bom humor no blog do Paraná.