Escrito por 20:00 Sobre quem

João Arruda preside comissão da Câmara e convoca ministros

Compartilhe

João Arruda (PMDB-PR) estreou nesta quarta-feira (12) na presidência da Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados na sessão que que convocou quatro ministros para prestar esclarecimento, entre eles, o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, apontado por parlamentares como um dos entraves na relação entre o governo e a Câmara.

Ribeiro deverá ser ouvido na próxima quarta-feira (19), sobre o andamento das obras de mobilidade urbana, que estão atrasadas, sobre a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que obriga as autoescolas a utilizarem simuladores de direção, além da sistemática utilizada pela pasta para os empenhos de emendas parlamentares.

Na sessão, o colegiado também conseguiu aprovar a convocação do ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias; da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho; e também da Controladoria-Geral da União (CGU), Jorge Hage.

Peixes em Pinhalão
João Arruda também aprovou um requerimento de sua autoria pedindo uma investigação sobre o andamento da construção e instalação de uma unidade de beneficiamento e abatedouro de peixe, construção de fábrica de farinha e ração, no Parque Industrial de Pinhalão, no Norte Pioneiro do Paraná.

O requerimento pede uma visita técnica de membros da Comissão de Fiscalização Financeira, do Tribunal de Contas da União (TCU) e representantes do Ministério da Pesca, além de um consultor da Câmara e um servidor da Comissão.

Mais ministros
A comissão também aprovou convites para a vinda da presidente da Petrobras, Graça Foster, para prestar esclarecimentos sobre contratos firmados com a empresa SBM Offshore, e do ministro da Saúde, Arthur Chioro, para falar sobre o regime de contratação dos médicos cubanos pelo governo brasileiro.

Close