por 10:26 Sem categoria

Gomyde pretende implantar o passe escolar e acredita ir longe na campanha

Sabatinas
Gomyde pretende implantar o passe escolar e acredita ir longe na campanha

Em entrevista a jornalistas da Gazeta do Povo, o representante do PCdoB pergunta por que só Curitiba não pode ter o passe escolar

Adriano Kotsan

Ricardo Gomyde, candidato do PCdoB para a prefeitura de Curitiba, criticou a atual administração da cidade e afirmou que está apresentando propostas objetivas durante a campanha para Curitiba. O candidato espera fazer uma boa votação e acredita nisso pelo histórico eleitoral que teve nas disputas para vereador e deputado federal que disputou. Nas propostas do candidato, a que mais chama a atenção é o passe escolar para os estudantes. Leia os principais pontos da entrevista no Blog do Minuto

No entanto, Gomyde não explicou como implantaria esse projeto. "Vamos discutir como será implantado o passe escolar. Se todas as cidades do Brasil podem, por que Curitiba não pode? Vamos discutir isso na licitação do transporte coletivo", afirmou. Gomyde disse que, se fosse eleito, iria discutir o tema tecnicamente.

O candidato foi o quinto sabatinado pelos jornalistas da Gazeta do Povo. A entrevista foi realizada na tarde desta segunda-feira (15). Gleisi Hoffmann (PT), Carlos Moreira (PMDB), Beto Richa (PSDB) e Fabio Camargo (PTB) já foram entrevistados na semana passada.

Pontos positivos de Beto Richa

Gomyde também reconheceu pontos positivos da administração de Beto Richa, dois segundo o candidato. “O primeiro ponto forte é a articulação política liderada por Euclides Scalco, que é um homem íntegro. O outro é Fernanda Richa, mulher de Beto, na FAS", disse. Para Gomyde, Fernanda teve forças para congregar as secretarias e desenvolver um bom trabalho na área social.

Por que ser candidato?

Apesar de aparecer entre 0% e 1% das intenções de votos nas pesquisas realizadas para as eleições de prefeito em Curitiba, Ricardo Gomyde, acredita que vai fazer uma boa votação na cidade. "Tenho uma boa popularidade em Curitiba. Imagino que vá fazer uma boa votação como sempre fiz em Curitiba", disse. O candidato afirmou que está sendo bem recebido nas ruas.

Ao ser perguntado por que disputar uma eleição para prefeito em Curitiba, Gomyde disse que o PCdoB tem uma boa representatividade na capital. “Não é uma aventura [a candidatura para prefeito], o PCdoB tem um histórico na cidade. Acho que vou bem longe nessa eleição, o quanto eu vou chegar só o tempo dirá", afirmou. A previsão do candidato é que o PCdoB consiga eleger três vereadores na Câmara de Curitiba neste ano.

Falta de projetos de longo prazo para Curitiba

Na entrevista, Gomyde criticou a administração de Beto Richa. Segundo o candidato, a prefeitura não tem projetos de urbanismo para a cidade. "Durante a campanha eu fiz críticas contra a atual administração, mas com conteúdo, sem gritaria", afirmou. Gomyde disse que Beto Richa “faz o emergencial, mas não faz o importante. É preciso pensar e planejar o futuro da cidade. Quais foram os projetos para o transporte coletivo?”, indagou.

Lixo em Curitiba

Ricardo Gomyde defende a criação de três aterros sanitários e não um apenas, como está previsto no projeto da prefeitura. O candidato disse que o transporte encarece o tratamento do lixo. Pela proposta dele, os aterros seriam divididos geograficamente entre as cidades da região metropolitana. "Isso nem foi discutido (durante a licitação para o consórcio do lixo)", disse.

Metrô e transporte coletivo

Na opinião do candidato, Curitiba não conseguiu desatar o nó do metrô. “A idéia do metrô pode ser discutida. Você não consegue fazer o metrô sozinho. O problema é o financiamento”, disse. Na questão do transporte coletivo, Gomyde disse que a prefeitura não propôs novas idéias para o setor. O candidato, no entanto, não apresentou nenhum projeto para a área. Disse apenas que vai licitar o transporte coletivo.

Saúde

Para a área da saúde, Gomyde pretende construir um hospital municipal. "O atendimento de emergência é fundamental. A questão da drogadição e do alcoolismo também é preocupante", afirmou. "Curitiba capta poucos recursos para a área da saúde", disse, citando os problemas do prefeito com o governador Roberto Requião.

Copa do Mundo

Ricardo Gomyde era o secretário estadual dos Esportes do governo de Roberto Requião e se afastou para disputar a prefeitura de Curitiba. Segundo o candidato, está havendo uma “grande falta de articulação” para Curitiba ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2014. “Não só pelo governo do estado, mas como pela prefeitura e pelos clubes. Eu fiz a articulação enquanto era secretário de esportes. Há uma desconfiança entre as partes", disse.

Impostos e terminal portuário em Curitiba

Segundo Gomyde, os impostos precisam ser revistos em Curitiba. O candidato citou a Cidade Industrial de Curitiba (CIC) como exemplo. "Precisamos de um choque de urbanismo no CIC. Curitiba tem vantagens estruturais que precisam ser exploradas. Não podemos entrar nessa guerra fiscal", afirmou. O candidato do PCdoB também defende a criação de um terminal portuário em Curitiba, mas sem especificar onde seria instalado. “Tem áreas para isso (o terminal) ser construído em Curitiba", justificou.

Jovens

Ricardo Gomyde defende uma maior inserção social de jovens para diminuir os problemas com violência em Curitiba. "Somente com emprego e renda damos perspectivas para as pessoas. Vamos criar uma secretaria municipal para os jovens", disse. O candidato também propõe uma parceria com os clubes amadores de futebol de Curitiba. “Esses clubes estão morrendo, podemos ofertar serviços da prefeitura ali, levar pessoas da terceira idade caminhar. Fazemos um convênio com os clubes e damos bolas, jogos de camisas e terra para eles plantarem grama”, exemplificou Gomyde.

Mensagem final

"Estou muito satisfeito com a campanha, estou sendo recebido com carinho pelas pessoas. Estou apresentando propostas objetivas e de onde sairá o dinheiro. Com base no meu histórico de boas votações na cidade acredito que terei uma boa votação", definiu.

Próximas entrevistas

Na terça-feira (16) serão encerradas as sabatinas da Gazeta do Povo. Às 14h será entrevistado o candidato Maurício Furtado (PV) e às15h30, Bruno Meirinho (PSOL). A Gazeta do Povo Online acompanha as entrevistas em tempo real pelo Blog do Minuto. Os leitores podem enviar suas perguntas para o e-mail sabatinas@gazetadopovo.com.br.

Fechar