por 15:42 Sem categoria

GOMYDE DEFENDE HOSPITAL MUNICIPAL PARA CURITIBA

GOMYDE DEFENDE HOSPITAL MUNICIPAL PARA CURITIBA

O candidato do PCdoB à prefeitura de Curitiba, Ricardo Gomyde, defendeu ontem em entrevista à TV Bandeirantes a construção de um hospital municipal para agilizar os atendimentos de emergência no município. Segundo Gomyde, o serviço emergencial da cidade está sobrecarregado porque há apenas os hospitais Evangélico e Cajuru, que são particulares, e o do Trabalhador, que é do Governo do Estado, para atender uma população de cerca de 3,2 milhões de pessoas na região metropolitana. Curitiba ainda não tem um hospital municipal. “Curitiba necessita de um hospital municipal para humanizar o atendimento emergencial e aumentar o número de leitos”, propôs Gomyde, na entrevista que irá ao ar neste sábado às 18h50, TV Band, canal 2.

Ainda sobre a questão da saúde, o candidato do PCdoB lembrou que seu vice, Mario Ferrari, é médico e preside o Sindicato dos Médicos do Paraná. “Ele vai me ajudar a acabar com as filas nas consultas especializadas”, assegurou Ricardo Gomyde, que também lamentou que um paciente tenha que esperar, em alguns casos, mais de dois anos por esse tipo de atendimento. transporte coletivo.

Na mesma entrevista à TV Band, Gomyde disse que o município já teve capacidade de se antecipar e planejar o futuro, mas perdeu essa iniciativa. Para ele, o atual sistema de transporte coletivo está saturado e por causa disso a população teria migrado para o transporte individualizado. “Se o poder público não consegue oferecer um serviço de qualidade é natural que as pessoas procurem outra maneira para locomover-se”.

Ricardo Gomyde sugeriu ainda a adoção de modais alternativos para o transporte em Curitiba. Ele apontou a construção de cliclofaixas e novas ciclovias como métodos para desafogar o caótico trânsito, mas também defendeu a construção do metrô.

por 15:39 Sem categoria

GOMYDE DEFENDE HOSPITAL MUNICIPAL PARA CURITIBA

Ricardo Gomyde defendeu na entrevista deste sábado – vai ao ar a partir das 18h50 – na Band a construção de um hospital municipal para agilizar os atendimentos de emergência em Curitibao. Gomyde disse que o serviço emergencial da cidade está sobrecarregado porque há apenas os hospitais Evangélico e Cajuru, que são particulares, e o do Trabalhador, que é do Governo do Estado, para atender uma população de cerca de 3,2 milhões de pessoas na região metropolitana. Curitiba ainda não tem um hospital municipal. “Curitiba necessita de um hospital municipal para humanizar o atendimento emergencial e aumentar o número de leitos”, propôs Gomyde.

Leia mais.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com