por 16:36 Sem categoria

FRANGO PARA OS CHINESES

FRANGO PARA OS CHINESES
* Orlando Pessuti

Como principal exportador de carne de frango do País, o nosso Estado, que deverá fechar este ano com um aumento de 7% em relação ao ano passado, pois somente no mês de julho as indústrias avícolas paranaenses comercializaram com o mercado externo 86.272.528 quilos de frango, nos abre um horizonte ainda mais promissor com a política de incentivo rumo ao mercado chinês.
Com a produção, no primeiro semestre deste ano, que ultrapassou a 600.000.000 de cabeças de frango, podemos sustentar que a política de incentivo do Governo do Estado está no caminho certo com o aumento de indústrias avícolas. O interessante, também, é a diversificação da produção por regiões.
Levantamento feito pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento (Seab) registra aumento a cada dia no número de produtores rurais se dedicando à produção de frango de forma integrada, o que gera aumento de emprego e receita. Em agosto de 2000 havia 5.810 aviários cadastrados pela Seab e hoje eles somam 11.465, representando um aumento de quase 100% em apenas nove anos. Também dobrou o número de granjas, ampliando os negócios, principalmente de pequenos produtores.
O desempenho paranaense nas exportações no primeiro semestre indica que este ano deverá ser o melhor de todos para a avicultura brasileira, superando os recordes de 2008. Segundo especialistas que participam da AveExpo 2009 e do 3º Fórum Internacional de Avicultura, em Foz do Iguaçu, há um clima de otimismo no setor, principalmente com a entrada no mercado chinês.
Segundo o Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar), o aumento na demanda nacional e internacional pode ser observado na comparação entre os últimos dados e os de meses anteriores. No mês passado, as indústrias avícolas paranaenses, responsáveis por mais de um quarto da produção nacional, exportaram 86.272.528 quilos de frango – o melhor resultado do ano e 7,14% maior que em junho. O Brasil comercializou 305.461.462 quilos de frango.
Para o presidente do sindicato, Domingos Martins, este desempenho reflete a retomada do perfil exportador das indústrias avícolas do estado. Para este segundo semestre, os exportadores estimam um aumento de até 10% nas exportações do setor.
Em relação ao esforço paranaense para comercializar frango na China, a expectativa é de muito otimismo, pois a China é hoje o segundo maior consumidor de carne de frango do mundo. A estimativa, segundo especialistas, é a de que neste ano de 2009 os chineses consumam perto de 12,40 milhões de toneladas de frango, o que representa 8,14% a mais que no ano passado.
E volto aqui, a observar os cálculos feitos pelo presidente do Sindiavipar, Domingos Martins, de que se cada chinês fosse comprar um quilo de carne de frango do Brasil hoje seriam necessários 1,4 bilhão de quilos, o que equivalente a dois meses de produção.

Orlando Pessutti
Médico veterinário e vice-governador do Estado do Paraná

Fechar