por 09:53 Sem categoria

FOZ EC ESTÁ NA PRIMEIRA DIVISÃO DO PARANAENSE

Equipe Legal – Foz do Iguaçu

Finalmente, depois de 64 dias, o caso entre Operário Ferroviário e Foz do Iguaçu Futebol Clube, teve um capítulo decisivo. Foi julgado no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PR), nesta terça-feira, dia 2, o abandono de campo por parte da equipe ponta-grossense, em jogo válido pela última rodada do quadrangular final da Divisão de Acesso 2008. O Foz do Iguaçu Futebol Clube venceu por 4 votos a 0, ganhando assim a condição de disputar a Copa Paraná deste ano e também a primeira divisão em 2009.

Dentre algumas provas, a sessão do tribunal paranaense analisou a súmula do jogo, escrita pelo árbitro Edivaldo Elias da Silva, que apitou o duelo no dia 29 de junho, no Estádio do ABC. O presidente da Segunda Comissão Disciplinar, Adriano Soares Taques, e os demais auditores, Célio Roberto Torrens, José Carlos Faret e Alexandre Zolet foram unânimes e puniram o Operário com a perda dos pontos do jogo, além de uma multa de R$ 10 mil e a suspensão do futebol. O representante de Ponta Grossa só poderá retornar ao futebol profissional em 2010, disputando a terceira divisão estadual.

O Operário promete recorrer ao Pleno do TJD-PR e, posteriormente, ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro. O Foz do Iguaçu Futebol Clube, por sua vez, também sofreu punição, com multa de R$ 10 mil e perda de mando de campo em dois jogos em competições oficiais.

Fechar