Escrito por 16:52 Chico Brasileiro, Foz do Iguaçu, Meio Ambiente

Foz do Iguaçu tem maior programa de coletiva seletiva do Paraná, diz Chico Brasileiro

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) disse neste sábado, 27, que Foz do Iguaçu tem maior programa de coleta seletiva entre as grandes cidades do Paraná. Na sexta-feira (26), o prefeito entregou a primeira das oito unidades de valorização de resíduos que conta com um sistema mecanizado para separação e armazenagem dos materiais recicláveis.

Além da nova unidade no Jardim Europa, o programa terá outras que estão em fase de reforma e construção. A unidade do Três Bandeiras está em fase final, com 97% de execução e previsão de entrega no próximo mês. A de Três Lagoas está com 75% das obras concluídas, do Centro com 60% e do Profilurb II com 12%.

As unidades dos Campos do Iguaçu, Porto Belo e Vila C estão em processo de licitação. O programa de coleta de recicláveis iniciou em 2018 e atende 100% da área urbana e rural do município. O investimento é superior a R$ 16 milhões.

“Hoje, Foz do Iguaçu está toda coberta pela coleta seletiva. É o maior programa do Paraná nas grandes cidades. São toneladas de materiais que gera renda para as famílias de recicladores, algo em torno de R$ 1,5 mil a R$ 2 mil por mês. Antes, as famílias tinham que carrega fardos e fardos en em carrinhos pelo meio da rua para ganhar R$ 400”, disse o prefeito.

Apoio – Chico Brasileiro agradeceu a Itaipu Binacional e o Estado pelo apoio “fundamental” ao programa.”O Estado entrou com os caminhões, a Itaipu entrou com recursos para a construção dos barracões e compra dos equipamentos e a prefeitura está entrando com os recursos, ou seja, uma união de esforços que está gerando grandes resultados a Foz do Iguaçu”.

“Temos motoristas e servidores da Secretaria do Meio Ambiente que estão acompanhando o programa. É uma parceria que veio para ficar e Foz do Iguaçu entra em uma lista pequena de cidades do mundo que se preocupa e que faz a coisa certa em relação a separação do lixo”, completou.  

A unidade Rosana Lemos Turmina, do Jardim Europa, é a primeira a contar com um sistema mecanizado para o processo de segregação e armazenagem dos materiais recicláveis oriundos da coleta seletiva. O sistema melhora as condições de trabalho dos catadores, aperfeiçoa os processos de logística, melhora a renda dos trabalhadores e o atendimento aos moradores da região.

Na terça-feira, dia 30 de junho, a unidade iniciará o recebimento dos resíduos coletados na região, adianta a Secretaria de Meio Ambiente. A cooperativa dos agentes ambientais vai operar a unidade. “Somos gratos por mais esta ação ambiental, firmar contrato com a prefeitura era um antigo sonho e hoje se tornou realidade”, disse  presidente da cooperativa, Cleusa Cordeiro.

(Visited 17 times, 1 visits today)
Close