Escrito por 11:43 Brasil, Segurança e Policial

Ex-prefeito, aliado de Requião, é preso pelo Gaeco em Curitiba

Ex-prefeito, aliado de Requião, é preso pelo Gaeco em Curitiba
Compartilhe

Mais um aliado do senador Roberto Requião (MDB) está enrolado com a Justiça. o ex-prefeito de Araucária, Olizandro José Ferreira (MDB), foi preso nesta terça-feira, 10, pelo Gaeco em Curitiba ao se apresentar cinco dias após a deflagração da operação que investiga pagamentos de propina. Com informações do G1-PR.

Olizandro é alvo da Operação “Sinecuras”. No centro das investigações estão ex-prefeitos e vereadores de Araucária em esquema que, segundo o Ministério Público, funcionou entre janeiro de 2013 a julho de 2016 com pagamentos de R$ 5 milhões por mês. O coordenador do Gaeco, Leonir Batista, afirmou que a prisão contra o ex-prefeito é preventiva. Isso significa que não há prazo para que ele deixe a prisão.

De acordo com Batista, Olizandro é suspeito de participar de pagamentos de corrupção a vereadores; de envolvimento em corrupção na troca de terrenos da Cohab por terrenos particulares e é suspeito de adquirir um imóvel via administração municipal com valor acima do valor de mercado mediante propina.

O que diz a defesa

O advogado de Olizando, Luiz Gustavo Pujol, afirmou que o cliente voltou de viagem na terça-feira, se apresentando logo em seguida.
Segundo Pujol, Olizando tem cumprido o compromisso de colaborar com a investigação sobre as suspeitas envolvendo a gestão dele há seis meses.

“Continuamos firmes no entendimento de que há muito tempo Olizandro se colocou positivamente para auxiliar quaisquer investigações eventualmente existentes sobre fatos ocorridos ao tempo de sua gestão na Prefeitura de Araucária”, diz trecho da nota divulgada pelo advogado.

A operação

Ao todo, foram expedidos 22 mandados de busca e apreensão – todos foram cumpridos, de acordo com o MP – e mais 21 ordens de prisão na Câmara Municipal de Araucária, em outros locais da cidade e também na capital paranaense.

De acordo com o MP-PR , além dos ex-prefeitos, funcionários da prefeitura e vereadores estão entre os alvos da operação, batizada de “Sinecuras”.

Vídeos

Vídeos divulgados pelo MP-PR mostram o ex-secretário de Governo de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, João Caetano Saliba Oliveira, entregando dinheiro ao vereador Wilson Roberto David Mota e ao ex-vereador Josué Kersten.

De acordo com o MP-PR, os valores em dinheiro, mostrados nas imagens, são referentes a parte de um pagamento de propina a investigados na operação “Sinecuras”.

Close