0 Shares 242 Views

Estado contratou 23.700 servidores por concurso público em dois anos

28 de maio de 2013
242 Views

grafico contratacoes

Governo do Paraná contratou 23.700 servidores por concurso público nos últimos dois anos. O volume de ingresso de novos funcionários efetivos no quadro do Estado é o mais expressivo em décadas e atende áreas prioritárias da atual gestão, como educação, segurança e saúde.

“Mesmo com um impacto grande no orçamento, não deixamos de fazer as contratações necessárias para recompor a estrutura das áreas mais importantes para a população”, diz o governador Beto Richa.

O quadro próprio do magistério foi o que mais cresceu, com o ingresso de 12.678 profissionais entre 2011 e março de 2013. “É um compromisso que assumimos com os professores do Estado e que está sendo absolutamente cumprido”, afirma Richa.

O segundo quadro que mais cresceu foi o de funcionários da educação básica (setor administrativo), com 4.496 contratações. Os novos professores, pedagogos e agentes educacionais trabalham em 2,2 mil escolas nos 32 Núcleos Regionais da Educação. “A melhoria da qualidade da educação sempre será a principal prioridade da nossa gestão”, diz Richa.

O Governo do Estado também está fazendo a maior contratação de agentes de segurança pública da história do Paraná. Em dois anos, foram incorporados 4.267 policiais civis, militares, bombeiros e peritos oficiais.

No Quadro Próprio do Poder Executivo, que inclui servidores de todas as áreas, entre elas saúde e justiça, ingressaram 1.826 servidores. Somente na saúde foram cerca de 1.300 médicos, farmacêuticos, enfermeiros, técnicos, auxiliares e administrativos.

Atrelado a isso, os servidores foram valorizados com melhorias salariais. “Estamos resgatando a valorização dos profissionais”, diz Beto Richa.

Os professores e pedagogos tiveram aumento de quase 35% nos últimos dois anos. Além disso, o vice-governador e secretário de Estado da Educação, Flávio Arns, sancionou a lei que melhora o Plano de Cargos e Carreiras dos Funcionários da Educação Básica do Paraná.

Com a sanção, os 19 mil funcionários concursados têm direito a promoções na carreira, com consequentes melhorias salariais. A medida beneficia diretamente as equipes de apoio das escolas, como merendeiras, serviços gerais e administrativo.

O Governo do Estado também implantou promoções e progressões para funcionários da saúde e demais órgãos.

POLÍCIA – Também houve implantação da tabela salarial para as carreiras policiais, que passaram a ter remuneração por subsídio, conforme reivindicado por todas as categorias.

O Paraná se tornou referência, com uma das melhores médias salariais pagas às polícias do País, atrás apenas do Distrito Federal, cuja remuneração tem apoio da União. O salário inicial do soldado no Paraná é de R$ 3.225,99, quase R$ 1.200,00 a mais que em São Paulo.

NOVOS CONCURSOS – Na semana passada, foi realizado concurso para mais 13.771 professores e pedagogos. Participaram cerca de 94 mil pessoas. O Governo do Estado também fez concurso para 423 vagas de agente penitenciário. Ao todo, 35.936 mil candidatos fizeram as provas. O concurso para 5.664 novos policiais (militares e civis) teve 124 mil inscritos.

Também foi autorizada a abertura de concurso público para a contratação de 700 profissionais para o Instituto Paranaense de Assistência Técnica (Emater) e outros 546 para a Agência de Defesa Agropecuária (Adapar).

Saiba mais sobre o trabalho do governo do Estado em: www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.