Escrito por 14:54 Foz do Iguaçu, Meio Ambiente

Em Foz do Iguaçu, junho é marcado por ações ao dia do meio ambiente

Em Foz do Iguaçu, o dia Mundial do Meio Ambiente tem uma programação ao longo de junho e a inauguração da primeira Unidade de Valorização de Resíduos no dia 16 de junho.

A unidade “Rosana Lemos Turmina”, no Morumbi, será a primeira a utilizar o sistema mecanizado para triagem e armazenamento dos materiais da coleta seletiva domiciliar. O nome da unidade homenageia a gerente de Educação Ambiental de Itaipu que, entre outras ações, promoveu, em 2002, a revitalização do Ecomuseu, responsável em facilitar o processo de educação ambiental na cidade e na região do reservatório.

O sistema além de aperfeiçoar os processos de logística, melhora as condições de trabalho dos catadores e melhora a renda dos trabalhadores e o atendimento para os moradores da região.

Educação Ambiental
A programação inclui a primeira reunião do Programa de Educação Ambiental na Administração Pública em 2020. Serão três turmas formadas por representantes de prédios públicos municipais e uma formada por representantes dos colégios estaduais.

Mata Atlântica
No dia 17 de junho, a Secretaria de Meio Ambiente e instituições parceiras apresentarão ao Conselho Municipal de Meio Ambiente o primeiro Plano Municipal da Mata Atlântica elaborado no município de Foz do Iguaçu, e um dos instrumentos de planejamento e gestão para promover o desenvolvimento sustentável.

Desta forma, a cidade passa a integrar a lista de municípios prioritários para acessar o Fundo de Restauração da Mata Atlântica.

Credenciamento de Cooperativas
Outra ação importante em andamento é o processo de credenciamento de associações e cooperativas de catadores para operação da coleta seletiva de resíduos recicláveis do município. O chamamento segue aberto até o dia 16 de junho e marca a formalização legal e a consolidação do Programa de Coleta Seletiva no município.

(Visited 17 times, 1 visits today)
Close