0 Shares 172 Views

Em crise, prefeitura de Curitiba adianta só 30% do décimo-terceiro dos servidores

26 de junho de 2015
172 Views

Em crise, prefeitura de Curitiba adianta só 30% do décimo-terceiro dos servidores

Em dificuldades financeiras, a prefeitura de Curitiba anunciou que vai pagar somente 30% do décimo-terceiro salário dos servidores municipais, no início de julho. Tradicionalmente, a prefeitura da Capital sempre pagou 50% do vencimento padrão de seus funcionários, no início do segundo semestre, a título de adiantamento. A segunda parcela, dos demais 70%, deve ser paga no final do mês de novembro, como prevê a lei. As informações são do Ivan Santos, do Bem Paraná

Nesta primeira parcela não haverá incidência de descontos. A lei estabelece que o pagamento do 13.º salário seja efetuado até o mês de dezembro de cada ano.

Todos os servidores municipais ativos, aposentados e pensionistas têm direito ao décimo terceiro, totalizando mais de 46 mil beneficiários. O pagamento total da primeira parcela em julho, segundo a Prefeitura, será de R$ 60 milhões.

O Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba comentou que ao divulgar a notícia, a gestão do prefeito Gustavo Fruet (PDT) “ainda insiste em iludir os servidores”. De acordo com o Sismuc, “a Prefeitura tenta convencer a categoria que em 2015 todos tiveram aumento real nos salários, depois da manobra do prefeito Gustavo Fruet em estabelecer um índice diferente para repor a inflação”.

“O índice foi de 6,54%, com um adicional de 1,14% para os servidores de carreira, totalizando 7,68%”, diz a nota. Segundo o sindicato, 7,68% é o total do IPCA acumulado dos últimos doze meses até abril de 2014. “Ou seja, o servidor ficou no zero. O IPCA sempre é utilizado para reajuste salariais dos servidores, menos este ano, uma vez que a gestão insistiu no Ipardes”, critica a entidade.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.