Escrito por 21:00 Cotidiano, Saúde

Em 2019 mais de 17 mil pessoas sofreram acidentes com animais peçonhentos no Paraná

Compartilhe

Em média a Divisão de Vigilância de Zoonoses e Intoxicações (DVZI) da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) regista, anualmente, em torno de 17 mil acidentes com animais venenosos e peçonhentos. São notificações de picadas com ou sem gravidade que passaram pelo sistema de saúde. Em 2019, o total contabilizado foi de 17.074 registros. Informações Bem Paraná.

O chefe da DVZI, biólogo Emanuel Marques da Silva, relata como é a ocorrência no Estado. “Nos períodos mais quentes do ano, que coincide com as férias, há um aumento de circulação de pessoas em áreas mais afastadas, como trilhas, parques e atividades ao ar livre, o que aproxima as pessoas do ambiente natural dos animais, como as serpentes, aranhas, e até peixes”, comenta o biólogo.

Close