Escrito por 08:21 Luiz Claudio Romanelli, Norte Pioneiro

Deputado Romanelli lamenta morte do tenente-coronel Braz

Compartilhe


O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) lamentou nesta segunda-feira, 22, a morte do ex-comandante do 18º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Cornélio Procópio, tenente-coronel Braz José de Souza. Membro do quadro da reserva da PMPR, coronel Braz morreu domingo, 21, na casa onde morava, enquanto dormia.

A prefeitura de Leópolis, no Norte do Estado, decretou luto oficial por três dias. “Durante os 35 anos em que atuou na PM, coronel Braz recebeu inúmeras homenagens da Polícia Militar do Paraná. Meus sentimentos à família neste momento de dor, tristeza e de despedida, e me solidarizo com todas as manifestações de carinho pelo marido, pai e avô, que morreu sem sofrimento”, disse.

A pedido de Romanelli, a Assembleia Legislativa expediu votos de pesar à família, em homenagem ao coronel Braz. Nascido no município de Califórnia, em 29 de maio de 1951, o tenente-coronel Braz José de Souza ingressou na Polícia Militar do Paraná em 16 de setembro de 1974, onde construiu uma carreira de 35 anos. Sempre contribuiu para garantir segurança aos paranaenses por onde passou.

Em 6 de janeiro de 2005, assumiu o comando do 18º Batalhão de Polícia Militar, em Cornélio Procópio. Em 16 de março de 2017 recebeu o título de Cidadão Honorário de São Sebastião da Amoreira. No dia 13 de novembro do mesmo ano, deixa o comando da corporação e ingressa no rol de reformados da PMPR. Deixa a esposa Sônia Maria Gama de Souza e os filhos Paulo César e Carlos Eduardo Gama de Souza.

Close