Escrito por 17:55 Cascavel

Covid-19: Cascavel pede vaga no Hospital Municipal de Foz para quatro pacientes

Para diretor do Hospital, situação preocupa, pois capacidade de leitos em Foz, que foi calculada para a 9ª Regional de Saúde, será afetada.

A 20ª Regional de Saúde de Cascavel enviou pedido para Foz do Iguaçu receber quatro pacientes de Covid-19. Os pedidos acontecem porque a capacidade de leitos exclusivos para a doença em Cascavel está esgotada. A informação foi confirmada pelo diretor do Hospital Municipal Padre Germano Lauck, Sergio Fabriz.

Segundo o diretor, a situação preocupa, pois ao atender pacientes de outra Regional, a capacidade de Foz, que foi planejada para a 9º Regional de Saúde, pode ser afetada. “Foz do Iguaçu tem se preparado, tem adotado medidas, fez uma série de situações e agora temos esses pedidos, estamos sim na macro-regional, mas já acende uma luz vermelha de preocupação. Daqui a pouco não temos mais leitos para atender a nossa região” disse Fábriz.

O diretor criticou as medidas adotadas em Cascavel. “A questão principal que eu vejo é que cada município precisa fazer o seu papel o melhor possível, se não acaba penalizando aquele que acabou fazendo o serviço, que tem menos pacientes internados” salientou o diretor.

Leitos em Foz e na macro-regional

Foz do Iguaçu conta com 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para Covid-19. Na macro-região, é a cidade que mais tem leitos disponíveis para a doença. Ao todo, são 71 leitos entre oeste e sudoeste. Cascavel, que atende 25 municípios, tinha até a semana passada apenas 10 leitos de UTI disponível.

“Eu acho que o número de leitos precisa ser proporcional ao número de habitantes. Em Foz do Iguaçu, nós pensamos e calculamos para a 9ª Regional. A partir do momento que nos tornamos referência para outra Regional e as outras tem menos leitos que nós, acaba afetando o nosso calculo” ponderou Fábriz.

Os leitos utilizados por outras regionais serão pagos pelo Governo do Estado. Fábriz ressalta que o recurso para Foz é importante. No entanto, o atendimento de pacientes de outros locais irá comprometer o cálculo regional. “É importante esses recursos para o hospital, mas eu me preocupo que daqui a pouco, nós que adotamos medidas de controle em Foz, e que deu resultado, sejamos afetados por cidades que não adotaram as medidas” concluiu.Tocador de áudio00:0000:00Use as setas para cima ou para baixo para aumentar ou diminuir o volume.

Cascavel

No boletim divulgado na terça-feira, 02, Cascavel registrava 566 casos de Covid-19. Somente na terça foram confirmados 58 casos. O município contabiliza 9 mortes. Do total de casos confirmados, 439 aparecem como recuperados. Com alto número de casos, o prefeito Leonaldo Paranhos fez um pronunciamento nesta quarta ressaltando que a população precisa adotar medidas de prevenção para controlar o contágio.

Na terça-feira também Foz do Iguaçu registrou 6 novos casos e agora conta com 136 pacientes infectados. Destes, 102 já estão recuperados. A capacidade de leitos em Foz até ontem estava com taxa de 10% de ocupação. Dos 30 leitos de UTI, apenas 3 estavam ocupados. Na enfermaria, que oferece 70 leitos, três pacientes estavam internados. A taxa de ocupação é de 4,29%.

(Visited 14 times, 1 visits today)
Close