Escrito por 13:04 Sem categoria

“Comunidade Escola atenderá 100 escolas”, anuncia Ducci

O prefeito Luciano Ducci adiantou neste sábado, 2, que o programa Comunidade Escola vai chegar a 100 escolas ainda neste primeiro semestre.

“Faltam apenas mais três escolas que passarão a integrar esse programa que abre as escolas aos sábados e domingos com a mais variada programação que integra os moradores, pais, alunos e professores. Vamos chegar a 100 ainda neste semestre. Quero aproveitar e agradecer aos mais de 800 voluntários que atuam neste importante programa”, disse Luciano Ducci na Escola Municipal Wenceslau Braz, a 97ª a receber o programa em Curitiba.
Luciano Ducci foi recebido por mais de mil moradores – entre pais, mães e professores – e assistiu a apresentação da banda marcial e de coreografias de estudantes da escola.

“Somente no Boqueirão são escolas que abrem aos finais de semana. Temos a participação de diversas secretarias, parceiros e voluntários – uma verdadeira integração de políticas públicas à serviço das comunidades e mais um espaço para a construção da educação e da cidadania”, disse a secretária de Educação, Liliane Sabbag.
Liliane disse que o programa, criado em 2005, já registrou dez milhões de participações em 182 mil atividades socioeducativas. “São oficinas para geração de renda, atividades esportivas, culturais e informática, que promovem cidadania e a cultura de paz em todas as comunidades”.

Participação – A variada programação – que incluiu jogos, oficinas, leituras, teatro, exposição, música e serviços sociais (estandes da guarda municipal e da Secretaria de Saúde) – agradou os pais dos alunos da Wenceslau Braz.

A inspetora de aluno, Daiane Cristina de Assunção, do Colégio Nossa Senhora de Fátima, levou o filho Wendell, de seis anos, para participar das atividades do programa. “É muito legal. Ele já faz futsal, agora participa dessas atividades, faz as apresentações, deixa a gente muito feliz. Esse programa é muito importante para comunidade”, disse.

A auxiliar de depósito Sheila Gabriele Domingos da Silva destacou a participação do filho Andreis, de seis anos, na oficina de leitura. “Ele se interessa muito pela leitura, gosta ainda da contação de histórias e da oficina de pintura. Abrir a escola no sábado e no domingo é mais uma boa opção para levar os filhos para brincar e participar de atividades saudáveis”, disse.

José Vieira do Nascimento, trabalhador da indústria de papel, levou os três filhos neste sábado na escola. Os irmãos Carlos Eduardo, um ano e três meses, e Gustavo Henrique, 8 anos, assistiram a apresentação da irmã, Isabel Carolina, 9 anos, que com os colegas do quinto ano, dançaram a coreografia da música Thrilher, de Michael Jackson.

“Minha filha está mais estudiosa, se aplica mais nas aulas. As oficinas, os jogos e as atividades servem de incentivo. As crianças se sentem muito mais participativa na vida da escola. Está de parabéns, a prefeitura. Esse programa é excelente”, disse Nascimento.

A Escola Wenceslau Braz foi inaugurada em abril de 1976 e tem 492 alunos distribuídos em turmas de pré-escola e do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. A escola conta com o Farol do Saber Mário Quintana, anexo a escola, que promove empréstimos semanais de livros aos alunos e à comunidade local.

A escola também tem um laboratório de informática com 22 computadores e quadra coberta. Além do prefeito Luciano Ducci e da secretária Liliane Sabbag, participaram do lançamento do programa na Escola Wenceslau Braz os secretários Homero Giacomini (Planejamento), Fernando Guedes (Relações com a Comunidade), Irajá de Brito Vaz (Direitos da Pessoa com Deficiência), Emílio Trautwein (coordenador da Regional do Boqueirão) e o vereador Francisco Garcez.

(Visited 4 times, 1 visits today)
Close