Escrito por 18:14 Sem categoria

Câmara de Foz cassa mandato de cinco vereadores presos na Pecúlio

Compartilhe

 

câmaraA Câmara de Foz cassou neste sábado, 1º, por quebra de decoro parlamentar, o mandato dos cinco vereadores presos na Operação Pecúlio, em 2016, por suposto envolvimento em esquema de corrupção em órgãos públicos. Perderam o mandato, em última instância, os vereadores Anice Gazzaoui (PTN), Edílio Dall’Agnol  (PSC), Darci Siqueira (PTN), Luiz Queiroga (DEM) e Rudinei de Moura (PEN).

Entre a apresentação de parecer legal, representações, argumentações e defesas dos advogados, a sessão extraordinária deste sábado se estendeu por quase oito horas. Apesar da votação ocorrer de forma nominal, o painel da Câmara Municipal mostrou o mesmo placar favorável à cassação aos cinco vereadores. Foram 13 votos pela cassação, um voto contra e um voto pela manutenção do mandato dos processados.

O vereador Anderson Andrade, convocado para anunciar o voto, foi declarado ausente ao alegar “não ter condições de votar”. Anderson retirou-se abalado emocionalmente do plenário sem o registrar o voto. Após a saída, a assessoria do vereador informou que o parlamentar acionou o Samu e foi levado ao Pronto Atendimento do Maracanã, onde chegou com crise de hipertensão. O vereador está sedado no momento e em observação.

Close