BLOG DE ALVARO DIAS SOB ATAQUE CERRADO

Nos últimos dias o blog do senador Alvaro Dias (veja AQUI) tem sido alvo de ataques que segundo ele, objetivam dificultar o acesso e disseminar mensagens deletérias. "Os mecanismos utilizados nas mencionadas “invasões” são sofisticados e utilizam aparato de hackers", disse.

Segundo o senador, o grau de virulência virtual pode ser constatado, por exemplo, quando a mesma mensagem é postada em curto espaço de inúmeros IPs, originados de diferentes localidades do território nacional. "É nosso dever informar sobre o ocorrido em respeito aos visitantes desse espaço’, informou.

40 Comments

  1. Render the data colossus, which quit fixed both the rendition of English, German, French and makaroniarski. As on translators, who refuse with written translations consisting in translating characteristic documents, letters, both separate when http://tlumaczenia.compare.com.pl – tudziez official. So to be an interpreter executing a written transformation of this falls to retainers in that direction and they consist of acquainting themselves with mould texts from a diversification of fields. Using such exercises came to depart interpreters when needed reasonable also learn the principles of counterbalance aright and editing of paragraph while as they learn how to consume specialized dictionaries. The more you look at these documents and the more corrupt they order own to hearty in the know almost with such translations and the more manto fix be struck by to woo distinctive expressions in these dictionaries, the greater wish proceeds grasp and be qualified to apace and efficiently bear about the a variety of translations, and translations command be of happier quality. Provided it comes to training the interpreters in this gainsay the most distinguished is to do over observation, prominence practicing your multitasking skills, such as interpreters have to be frequent with in lone settle to unearth short the one speaking to respond as translated ruling in a trice a bodily whose account explain.

  2. No movement,louis vuitton outleta large number of foreigners say that has a highly good, and this is the United states of america the world’s fitness louis vuitton bagsmiddle is highly advised girls who want to lose weight recipe urgently.
    Strategies: A complete of LV handbags12 days.
    The 1st three days: greens and fruits day after day as foods in the morning to consume fruits, vegetables and fruits can consume at noon, during the night to try to eat greens (not the oil and salt Oh), the fat limitation.
    4-6 days: eat milk and yogurt (don’t get there preservatives, not simply isn’t going to assistance weight reduction will raise Xiao Dudu), you can consume, the bodyweight limitation.
    The very lastlouis vuitton handbags six days: combined greens, fruit and milk and yogurt to consume, the excess weight limitation.

    Also, you can actually consider what pounds reduction services. Pick of body weight loss LV outletservices, most prospective buyers should pick solutions are well obtained Oh, and month to month gross sales in 1000 or more, and be sure you choose the green and healthy and balanced, no unwanted effects of excess fat loss services, I introduce you to a spot: 1234jf @ com (@ for into..) lv walletYou possibly can seem inside, it’s a bodyweight reduction item record, sorting out the excess weight loss solutions ranked Taobao, Taobao assortment of your best weight-loss programs, top quality and evaluation for the greatest phrase of mouth, this top-selling weight-loss medication well being solutions. Wish helpful to you, I want you an effective excess weight loss.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Câmara aprova projeto que exige fisioterapeuta em CTI em tempo integral

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (4) o Projeto de Lei 1985/19, da deputada Margarete Coelho (PP-PI), que disciplina a permanência de fisioterapeutas em Centros de Terapia Intensiva (CTIs) adulto, pediátrico e neonatal. A matéria será enviada ao Senado.

Em seguida, a sessão da Câmara foi encerrada.

O texto foi aprovado na forma de um substitutivo da deputada Aline Sleutjes (PSL-PR), cujo relatório foi lido em Plenário pela deputada Maria Rosas (Republicanos-SP).

A única mudança no texto retira a quantidade mínima de profissionais, que era de um para cada dez leitos. Entretanto, continua a determinação de que a presença do fisioterapeuta deverá ser ininterrupta, nos turnos matutino, vespertino e noturno, perfazendo um total de 24 horas.

A disponibilidade em tempo integral para assistência aos pacientes internados nesses centros de terapia intensiva deverá ser durante o horário em que o fisioterapeuta estiver escalado para atuar nesses locais.

“Pelo grau de importância do fisioterapeuta para o restabelecimento das pessoas internadas, a presença constante desse profissional é essencial, pois ele reduz o número de dias de internação, ainda mais nessa época de Covid-19”, afirmou a autora da proposta.

Próximas votações
Os deputados voltam a se reunir em sessão deliberativa virtual na próxima terça-feira (9), às 13h55, com pauta a ser divulgada após reunião de líderes a ser realizada às 10h30 desta sexta-feira (5).

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Câmara dá prioridade para mãe chefe de família no auxílio emergencial

Texto vai agora para análise do Senado

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (2) projeto de lei que dá prioridade de recebimento do auxílio emergencial às mães chefes de família, quando o pai também informa ser o responsável pelos dependentes. A matéria segue para análise do Senado. As informações são da Agência Brasil.

Pelo texto aprovado, caso haja conflito entre as informações prestadas pela mãe e pelo pai, a preferência de recebimento das duas cotas de R$ 600 será da mãe, ainda que sua autodeclaração na plataforma digital tenha ocorrido depois daquela feita pelo pai.

“Apenas 3,6% das famílias brasileiras tinham uma configuração com homem sem cônjuge e com filho, segundo o IBGE [Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística], e mais de 80% das crianças no Brasil têm como primeiro responsável uma mulher”, afirmou a relatora do projeto, deputada Professora Dorinha (DEM-TO).

O projeto determina que o homem com a guarda unilateral, ou que seja responsável, de fato, pela criação, poderá questionar as informações da mãe de seus filhos na mesma plataforma e receber uma das cotas de R$ 600 até que a situação seja esclarecida pelo órgão competente.

“O machismo que as mulheres já sofrem cotidianamente na nossa sociedade vemos novamente expresso quando maridos, que nunca se responsabilizaram pelo cuidado dos filhos, agora requerem o auxílio emergencial em nome da família. Trinta milhões de famílias brasileiras são chefiadas por mulheres e 56% são famílias pobres”, disse uma das autoras da proposta, a deputada Fernanda Melchiona (PSOL-RS). 

Após várias denúncias de mulheres que enfrentaram problemas para receber o benefício após uso indevido do CPF dos filhos pelos pais, o trecho que permitia o recebimento do valor em dobro foi vetado pelo presidente Jair Bolsonaro. No entanto, a proposta resgata a possibilidade de concessão do benefício aos pais, com a prioridade para a mãe chefe de família. 

“Muitas mulheres brasileiras de baixa renda enfrentam ainda a violência patrimonial perpetrada por homens sem escrúpulos que, indevidamente, utilizaram e utilizam os CPFs dos filhos menores, que são criados unicamente pelas mães, para acessarem o auxílio emergencial. Isso tem causado enormes prejuízos para essas batalhadoras, além de colocar em risco a sua segurança alimentar e a dos seus dependentes”, afirmou Professora Dorinha.

Duas cotas

O auxílio emergencial foi criado para amenizar os efeitos das medidas de distanciamento e isolamento social necessárias para o enfrentamento da rápida propagação da covid-19. A iniciativa destina o auxílio emergencial de R$ 1,2 mil para mães chefes de família pelo período de três meses.

O texto também determina que a Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência – Ligue 180 crie uma opção específica de atendimento para denúncias de violência e dano patrimonial para os casos em que a mulher tiver o auxílio emergencial subtraído, retido ou recebido indevidamente por outra pessoa.

No caso de pagamentos indevidos do benefício emergencial ou realizados em duplicidade por informações falsas, os responsáveis deverão ressarcir os valores recebidos indevidamente ao Poder Público.

*Texto alterado às 21h53 para corrigir os nomes das deputadas.