0 Shares 392 Views

Beto Preto, ministro Mandetta e deputados federais buscam recursos federais ao Paraná

5 de julho de 2019
392 Views

 

A necessidade de liberação de recursos federais ao Paraná foi apresentada pelo secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, juntamente com a bancada de deputados federais nesta quarta-feira (3) em Brasília.

A reunião aconteceu com a participação de representantes dos Consórcios Municipais de Saúde, durante o Congresso Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems).

O pleito paranaense, conforme destacou o secretário, é de que pelo menos R$ 100 milhões sejam incorporados ao orçamento da União para o próximo ano e destinados ao Estado via emendas parlamentares.

“Vamos fazer uma grande conjugação de esforços. A emenda de bancada é uma possibilidade de conseguirmos alternativas para a saúde, sim. Quero agradecer aos deputados, em nome do governador Ratinho Junior, para que a gente trabalhe naquilo que é factível, seja para recursos em obras, seja para custeio”, destacou o secretário.

A união em nome de mais investimentos em saúde é uma das principais articulações do governo do Estado, como explicou o Beto Preto. Para ele, somente com a participação coletiva de deputados federais e senadores é possível ampliar efetivamente o repasse de recursos Paraná.

“Os deputados representam uma região do Estado. E temos que trabalhar juntos para ampliarmos a melhoria do atendimento regional em saúde. Tenho certeza que podemos levar adiante esta parceria. Esta é a vontade do governo”, ressaltou.

Articulação – Os parlamentares enfatizaram ainda capacidade de articulação do governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, para que o trabalho em conjunto seja efetivo e permanente. Na avaliação do líder da Bancada Federal, deputado Toninho Wandscheer, a reunião foi positiva e produtiva.

“Foi uma forma de construir um projeto para o Paraná na área da saúde, até para o ministro conhecer o trabalho feito no Estado e as nossas necessidades. O secretário Beto Preto também se colocou de forma muito articulada para que a gente viabilize esses recursos, até porque ele foi prefeito e sabe muito bem as demandas municipais”.

Sinalização – O ministro da Saúde disse que pretende examinar as demandas apresentadas pelo Paraná e vai buscar o atendimento das prioridades, inclusive com a possibilidade de remanejamento orçamentário.

“Vou levar esta solicitação para analisarmos no governo, para que a gente possa também tratar as necessidades, ver o que a gente pode atender de imediato, conforme as suas prioridades”, ponderou Mandetta.

Participaram ainda da reunião os deputados federais Sérgio Souza, Leandre Dal Ponte, Schiavinato, Aliel Machado, Luciano Ducci, Luiz Nishimori, Zeca Dirceu, Ênio Verri, Ricardo Barros, Luizão, Aroldo Martins e Aline Sleutjes.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.