0 Shares 204 Views

Autoridades do Equador e Reino Unido se reúnem para discutir caso Assange

4 de junho de 2013
204 Views

0202assange

O Ministério das Relações Exteriores do Equador confirmou reunião, no próximo dia 17, entre autoridades equatorianas e britânicas para definir o futuro do australiano Julian Assange, de 41 anos. Assange está refugiado há um ano na Embaixada do Equador em Londres, no Reino Unido, para evitar sua extradição para a Suécia, onde é denunciado por agressão e violação sexual. Ele nega as denúncias.

Fundador do site WikiLeaks, Assange se tornou conhecido internacionalmente pela divulgação de documentos sigilosos de autoridades e governos de vários países. Na Suécia, ele foi acusado de crime sexual por manter relações sem preservativo.

As reuniões sobre o caso Assange ocorrerão em Londres entre os ministros das Relações Exteriores do Reino Unido, William Hague, e do Equador, Ricardo Patiño. A revelação sobre a conversa foi feita por Patiño na rede social Twitter.

Hague e Patiño conversam no momento em que o soldado norte-americano Bradley Manning, de 26 anos, é interrogado por denúncia de “ajudar o inimigo” ao divulgar para o site WikiLeaks mais de 700 mil documentos considerados confidenciais das Forças Armadas dos Estados Unidos. O militar pode ser condenado à prisão perpétua.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.