0 Shares 245 Views

Ameaça de cancelamento do projeto da Frimesa preocupa o deputado Evandro Roman

3 de outubro de 2018
245 Views

O anúncio da Cooperativa Frimesa de um possível cancelamento do maior projeto de infraestrutura em andamento no país para plantas industriais na cadeia do agronegócio em função da instabilidade política e econômica preocupou o parlamentar paranaense Evandro Roman (PSD-PR).

Para Roman, “a força do trabalho paranaense é o trunfo do nosso Estado e o agronegócio no Paraná responsável pela retomada da economia. Esse projeto, muito bem desenvolvido, significa gerar emprego direto, renda e desenvolvimento econômico. Nos preocupa que ele possa não sair do papel, mas tenho certeza de que o Paraná vai fazer a coisa certa nas urnas.”

Trata-se do novo frigorífico, que já deveria ter iniciado as edificações neste ano, mas que ainda segue em fase de fundação no município de Assis Chateaubriand, no oeste do Paraná. O projeto pretende dobrar a capacidade de produção de toda região oeste e será o maior em abate de suínos do Brasil. O projeto iniciado em 2014 levou dois anos para estruturação e maturação. Estimado em R$ 1,4 bilhão e concluído em 2016, a meta era iniciar o processo em 2018, mas a situação de instabilidade política e econômica do Brasil segurou as rédeas para o início das obras.

Segundo o diretor da Frimesa, Elias Zydek, o investimento pode ser engavetado sem ter data prevista para ser retomado. “O ponto crucial para a retomada do projeto será o resultado das eleições presidenciais. Se for eleito um presidente reformista, voltado ao direito à propriedade, desburocratização e segurança jurídica, retomaremos o projeto”, ressaltou.

O deputado Evandro Roman é coordenador de defesa sanitária animal e vegetal da Frente Parlamentar da Agropecuária e atuou diretamente na tentativa de reduzir os danos causados pela Operação Carne Fraca no Paraná, além de articular investimentos junto ao Ministério da Agricultura para garantir apoio ao agronegócio no Paraná.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.