por 22:52 Destaques, Luiz Claudio Romanelli

Agepar prorroga por mais 60 dias suspensão do aumento de pedágio da Viapar

A Agepar (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná) prorrogou por mais 60 dias a suspensão do reajuste da tarifa de pedágio da Viapar. O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), da Frente Parlamentar sobre o Pedágio, disse que a decisão de manter as tarifas sem reajuste vai de encontro às propostas que exigem tarifas de pedágio mais justas para os paranaenses. 

“Estamos há menos de dez meses do encerramento dos contratos de concessão com a maioria das obras previstas não realizadas, mas os aumentos continuam. Os paranaenses não aguentam mais pagar altas tarifas, sem a realização de obras”, disse Romanelli.

A Agepar explica que o conselho diretor se baseou na verificação de “índices de depreciação distintos da proposta comercial e incoerência na forma de reequilíbrio para os anos em que a concessionária não tinha direito ao ‘degrau de pista dupla’”, ocorridos na homologação das tarifas de 2018.

Com isso, ratificou a resolução 32, de novembro de 2020, e prorrogou a suspensão de qualquer reajuste, mantendo a aplicação de valores praticados antes de 22 de dezembro de 2020.

A Viapar explora 547.7 quilômetros em seis praças de quatro rodovias pedagiadas (BR-369, BR-376, PR-317 e PR-444) nos seguintes municípios do Noroeste: Arapongas, Mandaguari, Presidente Castelo Branco, Floresta, Campo Mourão e Corbélia.

Fechar