Escrito por 14:35 Sem categoria

Petistas se calam sobre atrasos do governo federal

Compartilhe

Petistas se calam sobre atrasos do governo federal

A tigrada do petismo nativo comemora o que chamam de crise no governo do Paraná, mas esquecem que o governo federal também se as voltas com problemas de caixa. O silêncio cala na boca petista quando estão em discussão os atrasos do governo federal para pagamento de fornecedores, programas sociais e principalmente os repasses para estados e municípios. Merenda escolar, obras, incentivos aos estados e até o dinheiro de aposentados fazem parte de uma grande lista. Vai aí um rápido refresco de memória:

Merenda escolar
Prefeitos e secretários de Educação de todo o país têm ligado para Brasília em busca de mais informações sobre o motivo do atraso nos repasses da merenda escolar dos últimos meses do ano. Não conseguem obter sequer uma resposta conclusiva. Nem mesmo no site do FNDE ha alguma informação.

Atletas
Reportagem da Folha deste domingo revela que 5.691 atletas de alto rendimento, contemplados pelo programa Bolsa Atleta, estão sem receber o benefício há três meses. Estes atletas irão representar o nosso país nas Olimpíadas de 2016, que serão realizadas no Rio de Janeiro.

Pronatec
Na mesma situação estão muitos alunos do programa de ensino técnico, o Pronatec, que reclamam do atraso no pagamento da bolsa que o governo federal disponibiliza para cobrir as despesas durante o curso. Eles afirmam que estão desde outubro sem receber o auxílio de R$ 80, que deveria ser pago a cada 15 dias.

Obras
Já no setor da infraestrutura, o general Jorge Ernesto Fraxe, chefe do Dnit, se diz preocupado com atrasos nos pagamentos a empreiteiras responsáveis por serviços já executados nas rodovias federais e com riscos de descumprimento no calendário de obras e ações nos tribunais contra a autarquia.

Aposentados
Os aposentados que planejavam usar neste ano o dinheiro ações ganhas na Justiça contra a União terão de exercitar a paciência. Os depósitos das indenizações no valor de até 60 salários mínimos, que estavam programados para o mês de novembro foram adiados por “falta de recursos”.

Lei Kandir
Uma das reclamações mais frequentes do Paraná tem sido o atraso já alarmante dos repasses oriundos da Lei Kandir. O Governo Federal tem reduzido sistematicamente os repasses e neste ano ainda não sinalizou com as compensações, causando prejuízos aos cofres do estado.

Mobilidade urbana
As obras de mobilidade urbana aprovadas pelo governo federal para a Copa do Mundo de 2014 estão uma tava de atrasos de 75,6%. O numero leva em consideração projetos aprovados de Veículos Leve sobre Trilhos (VLT), corredores exclusivos de ônibus, terminais de metrô e outros.

Close