0 Shares 207 Views

Em Rolândia, prefeitura fecha museu e população reclama

16 de agosto de 2013
207 Views

Casos de desrespeito com o patrimônio cultural vem causando revolta na população de Rolândia, no Norte do Paraná. Quem anota é o blogueiro José Carlos Farina, do Blog do Farina. Segundo a denúncia, em na sessão da Câmara Municipal da cidade, a presidente da casa, vereadora Sabine, divulgou documento anunciando a venda de obras de artes que foram doadas pelo povo para o museu da cidade. No dia 28 de agosto haverá uma seleção das obras, que já estão à disposição de colecionadores.

“A carta foi lida em nome da senhora Maria Luiza Muller, secretária de cultura que deveria zelar e salvaguardar o patrimônio seja ele material ou imaterial. Então com medo de perder as obras doadas pelo povo, e que em nenhum momento a secretária tem o poder de se desfazer das obras, pois museu é sim lugar pra guardar “coisas velhas. Pois um vereador respondeu pra um amigo que notificou a promotoria que as obras seriam vendidas obras velhas”, diz o relato da moradora Cristina Pieretti.

A população agora tenta pressionar a administração municipal e o legislativo da cidade para que o patrimônio cultural da cidade seja respeitado e para que os processos sejam feitos com transparência. Há ainda relatos de que livros de uma biblioteca da cidade estariam sendo jogados no lixo.

“Nada de transparência e respeito. Sabemos que em tempos atrás uma senhora foi processada por um vereador por vender e jogar fora livros da Biblioteca Municipal de Rolândia e agora vem outra da mesma secretária e quer vender o patrimônio histórico da cidade”, completa Cristina.

Mais notícias para você: