Written by 17:05 Paraná

Empresas de ônibus voltam a atrasar o 13º salário de motoristas e cobradores

estação-tudo

Pelo menos três empresas do transporte coletivo de Curitiba descumpriram o acordo firmado junto à justiça trabalhista e não fizeram o pagamento da segunda parcela do 13º salário, que deveria ter caído ontem na conta dos motoristas e cobradores. As informações são da CBN Curitiba.

O prazo legal para o depósito é dia 20 de dezembro, mas em um acordo negociado depois do atraso no pagamento da primeira parcela o sindicato das empresas, Setransp, se comprometeu a adiantar o benefício. De acordo com o presidente de sindicato que representa os trabalhadores, Anderson Teixeira, ainda não há levantamento completo, mas seriam ao menos 3500 empregados prejudicados em três empresas.

“As empresas que nós já temos confirmação são Glória, Redentor e Aviação Cidade Sorriso. Estas empresas com certeza ainda não efetuaram o pagamento dos seus trabalhadores e acredito que sejam elas que administram 30% de todos os funcionários. Então estamos calculando algo em torno de 3.500 funcionários que foram prejudicados.”

O representante sindical destaca que ficou definida multa em caso de descumprimento do acordo e que o Sindimoc não descarta tomar medidas para garantir o pagamento, caso o atraso perdure até depois do prazo legal.

“Está previsto uma multa de R$ 70 por funcionário prejudicado que não recebesse na data prevista, este foi o acordo no dia 17. Então nós vamos entrar com um pedido na Justiça e informar que não foi cumprido com o acordo e solicitando a multa para que seja revertida para os trabalhadores. No entanto, se chegar até dia 20 e não for pago o 13°, então o sindicato estará buscando outras alternativas e é obvio, caso não seja atendida as medidas, poderemos pensar na questão de indicativo de greve.”

Em nota, o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana informou que trâmites bancários o pagamento integral do 13º salário a todos os colaboradores. Ainda no texto, o sindicato das empresas afirma que o valor integral deve estar na conta de todos os funcionários ainda na manhã desta sexta-feira.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Close