por 17:59 Brasil

Vendas em shoppings centers tiveram índice acima do esperado em 2019

As vendas dos shopping centers do País somaram R$ 168,2 bilhões em 2019, com crescimento nominal de 7,5%, de acordo com pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 26, pela Associação Brasileira de Lojistas de Shoppings (Alshop). O resultado ficou acima do esperado pela entidade, que havia previsto inicialmente alta em torno de 5% para o acumulado do ano. O resultado de 2019 também foi o maior desde 2014, de acordo com a associação. Informações da Revisa IstoÉ.

As vendas nos shoppings durante o Natal também foram consideradas positivas pela Alshop. O faturamento do setor durante as festas natalina aumentou 9,5% em relação à mesma data comemorativa do ano anterior. “Temos de festejar o Natal de 2019. O resultado foi muito positivo”, disse o presidente da Alshop, Nabil Sahyoun, durante entrevista coletiva à imprensa.

A pesquisa da Alshop é feita em parceria com o Ibope e apura os resultados de vendas de 762 shopping em operação no País.

São ouvidos 400 empresários, presentes em 30 mil pontos de vendas. O levantamento apontou ainda que ocorreram 12 inaugurações de centros de compras em 2019, com abertura de 1,1 mil lojas e geração de 9 mil empregos.

Sahyoun afirmou ainda que o avanço das vendas dos lojistas de shoppings foi sustentado por um conjunto de fatores, entre eles a redução das taxas de juros, a manutenção da inflação em níveis baixos, a redução ainda que lenta do desemprego e a liberação de saques do FGTS. Porém, a base de comparação é fraca, dada a demanda reprimida entre os consumidores nos anos anteriores.

Segundo ele, há uma tendência de crescimento das vendas em 2020, caso sejam mantidas as reformas na economia brasileira. “Os números com certeza serão melhores em 2020”, disse.

Novos shoppings

Outro dado comemorado pela entidade diz respeito ao crescimento esperada no número de novos shoppings. Segundo sondagem realizada pela Alshop, o Brasil deve ganhar 31 novos centros de compras ao longo dos próximos três anos.

“Se as reformas econômicas avançarem, em especial a tributária e a administrativa e o ano de 2020 for bom, as construções tendem a acelerar e podemos ter de 15 a 20 inaugurações já no próximo ano”, disse Nabil Sahyoun.

O resultado indica uma possível melhora do setor, mas o número ainda é um tanto tímido em comparação com o começo da década, quando mais de 30 shoppings eram abertos a cada ano no Brasil.

Hoje, o País conta com 762 shopping ativos, incluindo 12 que foram inaugurados neste ano.

 

Fechar