0 Shares 165 Views

Morre Carlos Eduardo Ceneviva, arquiteto que muito contribuiu no transporte urbano de Curitiba

6 de janeiro de 2020
165 Views

Morreu na madrugada deste domingo (5/1), aos 83 anos, o arquiteto Carlos Eduardo Ceneviva. Arquiteto de mobilidade urbana, trabalhou a vida inteira pelo desenvolvimento organizado das cidades, trazendo grande contribuição no modelo de transporte urbano adotado em Curitiba. Informações Bem Paraná.

Carlos Eduardo Ceneviva nasceu em Catanduva (SP), em 1937. Cursou o ginásio e o científico em Londrina. Em 1968, formou-se na primeira turma de Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), passando a integrar a equipe de arquitetos do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) em 1971.

Já em 1973 assumiu a supervisão de Planejamento do instituto com participação direta no detalhamento dos setores estruturais e na implantação dos ônibus expresso.

Presidiu o Ippuc entre 1979 e 1980, época em que foi implantado na cidade o conceito de Rede Integrada de Transporte, com o fechamento dos terminais e tarifa única.

Em 1989 passou a presidir a Urbs, tendo encaminhado o processo de incremento da Rede Integrada, com a implantação, em 1991, das Linhas Diretas (Ligeirinhos) e estações-tubo fora das canaletas. Em 1992, implantou os biarticulados no eixo Boqueirão. E em 1995, a frente da Urbs, durante a primeira gestão do prefeito Rafael Greca, implantou o eixo Norte-Sul.

Essas obras contaram com investimentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), dentro de um pacote que, além da inovação no transporte, dotou a cidade com as primeiras ruas da cidadania, os núcleos descentralizados de serviços públicos.

Até meados dos anos 2000, Ceneviva desenvolveu estudos e projetos de mobilidade no Brasil e exterior. De volta à Urbs, em 2005, foi um dos responsáveis pela elaboração do anteprojeto de ultrapassagem nas canaletas do expresso, que culminou com a implantação do Ligeirão, primeiro no eixo Boqueirão.

Cenevida foi convidado pelo prefeito Rafael Greca, em 2017, para ocupar a presidência da Urbs novamente, em sua atual gestão, mas declinou. O arquiteto foi convidado então a coordenar a área de transportes no Ippuc, o que resultou nos estudos do Ligeirão Norte-Sul, que está em processo de implantação, por meio de convênio com o BID.

Ceneviva foi um dos primeiros a receber a comenda da Ordem Municipal da Luz dos Pinhais de Curitiba, entregue pelo prefeito Rafael Greca na atual gestão.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.