0 Shares 330 Views

Foz do Iguaçu recebe R$ 750 mil para construção de UBS no Bubas

22 de outubro de 2019
330 Views

 

Foz do Iguaçu está entre as 26 cidades que vão receber recursos na ordem de R$ 10,1 milhões para construção, reforma e ampliação de unidades básica de saúde (UBS’s). O governador Ratinho Junior anunciou liberou nesta segunda-feira (21) R$ 750 mil para uma UBS no conjunto Bubas que abriga cinco mil moradores na região do Porto Meira.

“É uma região de pessoas que vivem em condição de vulnerabilidade social. Elas se deslocam até outras unidades da cidade, mas isso contraria o programa de saúde da família. Essas famílias dependem 100% do Sistema Único de Saúde (SUS). É a certeza que de vamos reduzir os indicadores de mortalidade”, afirmou o prefeito Chico Brasileiro (PSD).

“O prefeito Chico Brasileiro depositou em mim a confiança para representar os interesses de Foz do Iguaçu junto ao Estado. Com muito trabalho, temos obtido conquistas importantes, entre as quais destaco o repasse de mais de R$ 11 milhões até o final deste ano ao Hospital Padre Germano Lauck”, disse o deputado Hussein Bakri.

Investimentos – Ratinho Junior adiantou  que os R$ 10,1 milhões fazem parte do pacote de R$ 50 milhões em investimentos na saúde nas áreas de vigilância em saúde e compra de equipamentos. São recursos para hospitais filantrópicos, novos centros de especialidades, regionalização da saúde com a construção de unidades em regiões vitais, leitos de UTI, veículos, e obras e reformas em unidades de saúde de mais de 160 cidades.

O governador também citou o compromisso da bancada federal de incluir uma emenda impositiva no orçamento da União para reforçar os investimentos nos consórcios municipais. “A ideia é aumentar o repasse para os municípios. Vamos descentralizar a saúde, fortalecer o Interior para evitar que as pessoas se desloquem por mais de 300 quilômetros de ambulância ou van para se tratar. Ainda gastamos muito com combustível e logística. Queremos fazer o caminho inverso. Investir esse dinheiro em equipamentos e na melhoria dos hospitais, de forma regionalizada”.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.