Escrito por 12:40 Foz do Iguaçu

Equipamentos de reconhecimento facial são instalados na Ponte da Amizade

Compartilhe

Uma parceria entre Receita Federal, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT) quer tornar o monitoramento na região de fronteira entre Brasil e Paraguai mais tecnológico. O programa “Fronteira Tech” vai usar inteligência artificial para combater crimes e identificar suspeitos. As informações são de Iara Maggioni na Gazeta do Povo.

Na entrada e na saída da Aduana da Receita Federal e ao longo da Ponte da Amizade, 70 equipamentos inteligentes estão sendo instalados. Os instrumentos vão fazer o reconhecimento facial de pessoas que circulam pela região e identificar placas de veículos.

Se um carro roubado circula pela Ponte da Amizade, por exemplo, o equipamento identifica o automóvel e emite um alerta. O mesmo ocorre com a identificação de suspeitos, cujos dados já constam no banco da polícia.

O investimento para aquisição, instalação e operação dos equipamentos e softwares é de R$ 5 milhões. O lançamento do programa “Fronteira Tech” será na próxima segunda-feira (16), às 14h30, na Aduana da Ponte Internacional da Amizade.”

Close