0 Shares 223 Views

Equipamentos de reconhecimento facial são instalados na Ponte da Amizade

13 de dezembro de 2019
223 Views

Uma parceria entre Receita Federal, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT) quer tornar o monitoramento na região de fronteira entre Brasil e Paraguai mais tecnológico. O programa “Fronteira Tech” vai usar inteligência artificial para combater crimes e identificar suspeitos. As informações são de Iara Maggioni na Gazeta do Povo.

Na entrada e na saída da Aduana da Receita Federal e ao longo da Ponte da Amizade, 70 equipamentos inteligentes estão sendo instalados. Os instrumentos vão fazer o reconhecimento facial de pessoas que circulam pela região e identificar placas de veículos.

Se um carro roubado circula pela Ponte da Amizade, por exemplo, o equipamento identifica o automóvel e emite um alerta. O mesmo ocorre com a identificação de suspeitos, cujos dados já constam no banco da polícia.

O investimento para aquisição, instalação e operação dos equipamentos e softwares é de R$ 5 milhões. O lançamento do programa “Fronteira Tech” será na próxima segunda-feira (16), às 14h30, na Aduana da Ponte Internacional da Amizade.”

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.