por 11:36 Sem categoria

Câmara mantém decisão contra ex-prefeito Suzuke

Câmara mantém decisão contra ex-prefeito Suzuke

Giuliano De Luca

A Câmara de Vereadores de Medianeira manteve ontem o parecer do Tribunal de Contas, que recomenda a desaprovação das contas do ex-prefeito de Medianeira, Luiz Yoshio Suzuke, hoje funcionário da Itaipu Binacional. Foram seis votos favoráveis e três contra. As contas são referentes ao exercício financeiro de 1997.

No fim da sessão, houve bate-boca entre os vereadores Jean Bogoni e Afonso Zelmar Cornélius. O primeiro queria que o voto fosse aberto, mas a votação foi secreta em urna armada no plenário. Cerca de 30 pessoas acompanharam a sessão ordinária, ontem, às 15 horas.

O ex-prefeito tem ainda outras quatro contas desaprovadas pelo Tribunal. A partir de agora, os vereadores estudam as outras solicitações do TC para desaprovar as contas de Suzuke.

As outras contas são referentes aos anos de 2000, que será apreciada em única votação dia 9, as contas de 2002, com data marcada para ser votada dia 216, as contas de 2003, a ser julgada dia 23, e as contas de 2004, que vão a plenário no último dia de setembro (30).

O ex-prefeito Luiz Suzuke é acusado de irregularidades no tempo em que permaneceu à frente do Executivo de Medianeira, nas gestões de 1997 a 2000 e 2001 a 2004. Um rombo de R$ 1,8 milhão, descobertos em perícia feita quando a atual administração assumiu a prefeitura, é uma das denúncias que o ex-prefeito ainda vai ter que explicar.

Por se tratar de um período eleitoral e de campanhas, o clima ficou tenso na Câmara de Vereadores. Apesar de a votação ter sido calma, houve o bate-boca entre os dois vereadores acima citados.

Fechar
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com