0 Shares 3 Views

Coluna Boca Maldita desta sexta, 10

11 de agosto de 2017
3 Views

Zona Franca
A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia da Câmara aprovou ontem (10), por unanimidade, o parecer favorável ao projeto de lei que propõe a criação de uma Zona Franca em Foz do Iguaçu. A proposta, do primeiro-secretário, o deputado federal Giacobo (PR), será analisada também pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; de Finanças e Tributação; de Constituição, Justiça e Cidadania, e está sujeita à apreciação conclusiva pelas comissões, ou seja, sem a necessidade da votação no plenário da Casa.

Livre comércio
O projeto da Zona Franca em Foz prevê uma área de livre comércio de exportação e de importação e de incentivos fiscais especiais. A intenção é abrir caminho para a formação de um polo industrial na região.

Deixa para lá
A Polícia Federal isentou o senador Aécio Neves (PSDB-MG), no caso Furnas. Em relatório enviado ao ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), o delegado Alex Levi Rezende concluiu que ‘não é possível atestar que senador realizou as condutas criminosas que lhe são imputadas’.

Para lá II
“A partir do conteúdo das oitivas realizadas e nas demais provas carreadas para os autos, cumpre dizer que não é possível atestar que Aécio Neves da Cunha realizou as condutas criminosas que lhe são imputadas”, diz a conclusão do inquérito. Assim caminha a humanidade!

Vigilância Sanitária
A deputada Claudia Pereira (PSC) defendeu esta semana, a participação do diretor do Centro Estadual de Vigilância Sanitária da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), Paulo Costa Santana, no papel principal da Vigilância Sanitária. “Esta é uma questão importante para a saúde pública dos paranaenses e o Paulo Santana tem todas as condições de desenvolver um excelente trabalho”, disse.

163 anos
O líder do Governo na Assembleia Legislativa, Luiz Claudio Romanelli (PSB), destacou ontem o trabalho dos policiais militares no Paraná. “A Polícia Militar do Paraná comemora hoje 163 anos de muito trabalho e dedicação à segurança dos paranaenses”, disse.

Sem chance
O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), rejeitou um novo pedido do ex-presidente Lula (PT) para declarar o juiz Sergio Moro como suspeito em processos da Lava-Jato que o envolvem. Assim, Fischer concordou com decisão anterior do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).

Por Loures
A Advocacia-Geral da União se somou à defesa do ex-deputado Rodrigo da Rocha Loures (PMDB) para defender o ato da Câmara dos Deputados que determinou que ele recebesse salário mesmo depois que teve o mandato suspenso pelo STF. Uma ação popular pede que Loures devolva os valores. As informações são de Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo.

Na Urbs
Adianta o blogueiro Fernando Tupan que o 2º secretário da Câmara de Curitiba, Bruno Pessuti (PSD), colocou seu nome para ser substituto de José Andreguetto, na Urbs. Até agora o prefeito Rafael Greca (PMN) não se manifestou sobre o assunto.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.